• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
felipecalixto

Um assediador gente fina praks...rs

Recommended Posts

Bom, foi uma conversa que tive com um espírito, em minha casa, ele é o que podemos chamar de assediador, mas era gente finíssima...rs

Ficou meio grande, mas creio que valha a pena ler, pois não tenho dúvidas sobre a projeção!

Então, creio estar passando por um recesso projetivo, mas sempre faço algumas técnicas energéticas e projetivas antes de deitar...

Criei consciência passando por um corredor em minha casa, entrei em um cômodo, pois algo me impulsionou pra lá, e logo vi alguém, um rapaz com "boa" aparência, uns 33 anos, de jaqueta, fumando dentro do quarto onde ninguém dormia, guardamos apenas coisas não muito utilizadas neste quarto. Me deparando com ele, não senti medo, apenas me irritei por ele estar fumando dentro da minha casa e peguei o cigarro e joguei fora...rs (falta de lucidez) rsrs...

Então sentamos e começamos a conversar, e assim ficamos por um bom tempo... não lembro de tudo, ele era bem simpático até, bem humorado, então perguntei por que ele fumava. Ele me disse que gostava era disso, gostava de fumar mesmo, de beber, me pareceu um típico boêmio carioca (eu não o critiquei em momento algum) eu estava curioso, mesmo porque ele falava com um linguajar bem atual, como uma pessoa comum que encontramos nas ruas. Então perguntei como é onde ele costuma ficar, os lugares que ele vai. E ele me disse exatamente assim: - Isso aqui é muito bom *RAPA (gíria = rapaz), tem tudo, barzinhos, botecos, e tem mais, num tem nada de feio não cara.

Obs.: Nesse momento em que ele falava dos lugares, na minha mente eu via as imagens dos lugares, e eram muito parecidos com os que podemos ver no filme "Assombração", que não é TERROR, é muito bom, tem cunho instrutivo, não são lugares nada belos.

Perguntei o que ele achava das religiões, ele disse que achava tudo uma palhaçada. Ele tinha consciência da sua situação e gostava de como estava, não queria mudar tão cedo. Não era ruim, não queria fazer mal.

Então eu disse a ele:- Tu sabe que de vez em quando eu saio do corpo né? Ele disse:- Eu sei, você é maluco! Tu é muito doido RAPA, larga isso pra lá. E pára de usar essa máquina maluca que você sempre usa. Então eu falei com bom humor: - Olha, você fica esperto, que se eu te pegar de novo fumando por aqui a gente vai sair no tapa. Ele riu...

Obs.: Eu tenho minhas técnicas gravadas num iPhone, e quando pratico sempre ouço com o iPhone do lado.rsrs

Ele ainda me sacaneou pelo short que eu usava, que era o mesmo que eu colocava pra dormir, meio curto. Ele disse em bom humor exatamente assim: - E esse seu shortinho de viado?!rindo Eu respondi: - Isso é estilo rapaz. rs

Falamos mais algumas coisas que não me lembro o que e disse a ele que voltaríamos a conversar, pois algo me disse que era hora de ir, logo em seguida acordei e anotei este relato.

Obs.: Nas poucas vezes em que saí lucidamente no extrafísixo eu me encontrava sem medo algum, diferente de quando deito as vezes para praticar as técnicas...rsrs (não sei o por quê)... E lembro que neste encontro, durante toda a conversa eu sentia uma certa simpatia pelo rapaz, a conversa foi bastante descontraída até. Imagino até que talvez ele possa ter me acompanhado bastante a algum tempo atrás, onde eu saía bastante.

Amigos(as), espero que este relato, apesar de grande e com muitas observações pessoais inexperientes, possa ter sido útil de alguma forma, mostrando-nos que nem todos os habitantes do umbral são sofredores. Isso depende apenas do seu estado consciencial.

Muita paz a todos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Legal seu relato e bastante comum o que vc relatou.

No plano espiritual temos que ter consciencia que estao desencarnados 4x mais pessoas que encarnados. Que a grande maioria, infelizmente não trabalha em prol do proximo ou de seu adiantamento e muitos outros apenas "vagam" sem objetivo de "vida".....e uma outra parte trabalha pelo mal ao demais....e uma outra parte que trabalha pelo bem!

O fato dele fumar e beber com certeza o atrai para perto de pessoas encarnadas e com o mesmo estilo de vida....boemios. E que no fundo acabam atrapalhando sim, embora eles achem que não.

Na próxima vez, tente questioná-lo sobre o que ele faz de util e tente induzi-lo para algo melhor, as vezes vale a pena questionar sobre amigos e parentes queridos destes....que na maior parte das vezez eles não se lembram e essa forçada os faz pensar no tempo que estão perdendo.

Saudações!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Juca, vlw pelas dicas... foram muito úteis, eu nem tinha pensado em perguntar sobre os parentes e amigos dele, vou tentar lembrar caso o encontre novamente, e concordo contigo, acho que isso vai de alguma forma positiva mecher com ele.

Se houver outro encontro eu postarei como foi...

Abraço a todos...

Share this post


Link to post
Share on other sites

:shock::D Pow Pacerão cara o seu assediador, e acho super legal termos essa visão de que as vezes eles não " Malignos" Como pixam ai !! Quem derá eu trocar um idéia assim com meus fofuxos como diz nosso amigo Saulo :lol: !! Muito legal seu relato Felipe, se vc tiver outra change dessa vai se uma ótima oportunidade de ajudar essa irmão que só tem pelo visto algumas vicitudes, não é um irmão muito ignorante!!ParabénSs Show esse relato!!Abraço a toDos!!

:);)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Espero que minhas experiências tenham o mesmo cunho lúdico/humorístico =P

Não sei o que me espera, só sei que tenho percebido que só encontrarei algumas respostas para minhas questões no astral...

Não faço idéia de como são meus "fofuxos", mas tenho certeza que a maior parte do que "anda comigo" é boa =D

Se conseguir contactar seu brother aí relata pra nós!

Abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

KKKKK que legal a gente quando pensa em espiritos assediadores, só pensa em caras do malllll, com ma aparencia, de gangue!!!, pensamos tannnta besteira, e agora vemos que não é bem assim né? srsrrsrsrs muito legal seu relato felipecalixto, assim podemos nos conscientizar de que assediadores não é sinonimo de caras do maaaalll!! :lol::lol::lol:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com toda certeza Érica, assim como na nossa sociedade, podemos de uma forma grosseira, nos dividir em 3 grupos:

1º grupo -> Os que fazem o mal, pessoas ruins, que só querem tirar vantagem das outras pessoas, porque acham que o mundo é dos espertos, como diz o Saulo, os "PROFISSIONAIS DO MAL"...rs. Este grupo não é o da maioria, é apenas uma parcela, talvez menor do que imaginemos.

2º grupo -> Os que não estão nem aí pra hora do Brasil...rsrs aqueles que vêem coisas erradas acontecendo de montão, mas como não é com eles, nem esquentam, não fazem o mal, mas tb não fazem o bem. Este é o grupo da maioria, a grande maioria da população pode ser enquadrada neste grupo.

3º grupo-> Estes aqui, para os outros dois grupos, são os trouxas, são os otários, tentam fazer o bem pras pessoas, muitas vezes até perdendo muitas conquistas pra simplesmente ajudar alguém, pois o que lhes deixam felizes é fazer pessoas felizes. Bom este é o da minoria, mas a cada dia este grupo cresce e chegará o dia em que será a maioria e o mundo será melhor com certeza...

Putz... comecei a escrever e dei uma viajada...rsrs

O que eu queria mesmo dizer, é que este meu "amigo", que podemos enquadrá-lo como um certo tipo de assidiador, simplesmente está no 2º grupo, é como a maioria, "deixa a vida me levar, vida leva eu"...rsrs

Amigos, é isso aí, muita paz a todos... e até mais ver!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esta noite eu quase saí, só que minhas energias estavam creio eu meio densas demais e não consegui vencer a catalepsia projetiva, fiquei agarrado pelos pés, vejam só...rsrs (Acho que é porque tive um corte feio no pé e levei alguns pontos. Talvez pela dor que eu sentia, não consegui executar as técnicas energéticas muito bem)...

Mas eu conseguia mover a paracabeça, e abrir os paraolhos, a visão estava meio complicada tb, mas eu via que tinha alguém lá do lado da minha cama, olhando o que eu estava fazendo. Talvez era o nosso amigo esperando um novo papo...rsrs mas não deu pra ver mesmo...

Até mais galera!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Felipe,

engraçado uma coisa que na minha humilde opinião, me incomodou em certos livros/psicografias espíritas é que eles mostram os jovens se comunicando com uma linguagem impessoal e até arcaica com uso de pronomes como ´´vós``, bem longe do modo com o qual nos comunicamos no dia-a-dia. Talvez isso de deva a interferência anímica dos médiuns, que psicografam e utilizam uma linguagem mais arcaica muitas vezes. Eu me questiono muito quando leio esses relatos de muitos livros.

Imagino que pela lógica, a linguagem de um jovem desencarnado não sofra tantas alterações assim e seja mais expontânea como você disse.Isso logicamente deve ser o natural mesmo...

Bom Paz e Luz para todos!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.