• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Jr.

Realidades e perigos da projeção astral

Recommended Posts

E ai moçada, bom?

Queria levantar esse tópico, para uma possível discussão sobre "Realidades e perigos da projeção astral". Sei que há muitos áudios falando sobre os obsessores, incubus, sucubus, e outras coisas. Porém, muitos não dão o devido valor a essas informações e acabam achando que é besteira.

Recentemente, apareceu um membro no chat GVA, que me chamou atenção. Ele estava perguntando tudo sobre os obsessores, o que podia encontrar por lá, como se proteger, e inúmeras outras dúvidas à respeito dos perigos do astral. Na minha frente, isso é coisa rara de se ver. Normalmente as pessoas chegam para mim, dizem uns sintomas, pedi dicas, imploram praticamente para ensinar a sair do corpo com 100% de eficiência, coisa que não existe no meu mundo. Mas e os reais perigos, quem está realmente interessado em saber? Quase ninguém...

Sinto uma verdadeira falta de seriedade quando o assunto é obsessores, vampiros, etc. Talvez seja esse o motivo que prendem muito a seus corpos. Viver em dois mundos é ter problemas duas vezes, poucos tem essa consciência.

Tive que me afastar de viagens astrais por problemas de obsessão, a coisa ficou feia, quase fui subjugado e não tem sensação pior do que sua mãe ter medo de você. Tudo isso por causa que desconhecia os reais perigos da projeção, e pensava que o que estava lá, ficava por lá. Mas esqueci, que lá também é aqui. Vou voltar a repetir uma coisa que falei em outro tópico, que nosso corpo físico é reflexo do astral. Tem pessoas que pensam que quando são atacadas no astral, não tem mal algum. Acordou, passou. Mas não, a cicatriz vem com você e pode se repercutir de alguma forma no seu físico.

Não vou comentar as vantagens da projeção porque todo mundo conhece. É a primeira coisa que procuram saber quando o assunto é viagem astral. rsrs

Espero não ter deixado o tópico muito agressivo, mas serve pra reflexão e para projetores que estão começando, a tomarem os devidos cuidados.

Desculpe qualquer equívoco.

Namastê. ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que pelo mesmo motivo que algumas pessoas tentam mudar qndo alguma coisa de ruim acontece seria a mesma coisa de que dizer '' ahh só vou me preocupar com obsessor se um dia eu encontrar com um no astral '' ou seja se eu saio todo dia pro astral e está tudo bem pra que eu vou me preocupar com isso??

Não tenho duvida que tem gente pensando dessa maneira, eu qndo começei morria de medo e a primeira coisa que sempre tive interesse foi esse lado pra saber o que eu iria conheçer e tenho certeza que se uma pessoa está seguindo em frente e não liga pra isso, qndo passar por uma situaçao dessas pode ficar meio que ''desesperada'' ai vai correndo procurar ajuda e passa a ter um maior interesse isso é Fato

xDD

Share this post


Link to post
Share on other sites

A resposta é o equilíbrio. Não é bom ser ingênuo e pensar que tudo são flores. Mas também não vai adiantar de nada ficar neurótico achando que a cada esquina tem um mago negro ou um monstro vampiresco pra te pegar. Há, sim, de se ter consciência de que cada atitude tem seus riscos. Sair de casa também tem seus riscos. Você pode ser sequestrado, atropelado, etc. Nem se deve achar que nada acontece com você, nem se deve pensar que você vai ser atropelado pelo primeiro carro que passar na rua. ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aêêê!!! Palmas para o Jr. que abriu este tópico!!!

Eu concordo contigo colega, em gênero, número e grau. ai ai, isso também é o que mais vejo, aspirantes a projetores, afobados em fazer turismo astral, sem levar a sério a projeção, e dando mole vibracional. Pessoal, tem muita galera do lado de lá que estão doidinhos pra dar uma vapirizadinha nos desavisados. Aí, tem gente pensando agora, calma Nadja não exagera, não põe medo nos projetores, hehehe... tá bom, vou pegar mais leve(rs)... tudo na vida tem seu lado bom e o seu lado ruim, na minha cabecinha aqui Viagem Astral é sinônimo de responsabilidade. Se vc não estuda e não tá nem aí com sua reforma íntima, meu amigo, desculpa dizer, mas o bicho vai pegar p/ seu lado na hora de colocar seu corpixo astral p/ fora.. é como vc sair de madrugada sozinho, desarmado no ambiente mais perigoso de sua cidade, se depara com um pessoal barra pesada e créu. Bem, mas tem muitos lados positivos na VA, mas os pontos positivos da VA só acontecem se vc se preparar, se cuidar, vigiar, estudar, crescer, se esforçar pra ser um espírito melhor, enfim ter disciplina e cosmoética. Quando vc TEM PREPARO e se projeta e encontra um obsessor no astral isso é até bom pq lá vc estará de cara a cara com o "inimigo", sem véu, pau a pau, sacou? Algumas entidades fogem, se escondem, tem vergonha do que fazem nas escondidas(pois é, eles podem te ferrar mesmo sem vc ser projetor, médium, etc), tipo aquele homem invisível do filme, fazem barbaridades na entuca. Dá pra bater um papo as vezes, mas na maioria nem dá espaço pra isso, o negócio é casca grossa. Mesmo vc estando cheio de amor no coração, emanando altas energias, haverá certos danadinhos astrais que te ferram do mesmo jeito, o negócio é não dar uma de super herói, se puder fuja, chame os mentores, feche os ouvidos as más sugestões e comece a elevar ao máximo sua vibração, aí eles não terão acesso a vc. E nunca! nunca! revide a agressão, eles são especialistas, os caras sabem manusear a "arma" melhor que vc. Sempre RESPEITE. Acho que vou criar uma apostila no que se deve e não se deve fazer nos astral, me baseando nas minhas derrapadas astrais..hehehe.. quem sabe, né? Bem, vou indo nessa.. mas sinceramente, gostei deste tópico, vai gerar muitas reflexões positivas. Obg.

Abraços Fraternos

Nadja

Share this post


Link to post
Share on other sites
Aêêê!!! Palmas para o Jr. que abriu este tópico!!!

Eu concordo contigo colega, em gênero, número e grau. ai ai, isso também é o que mais vejo, aspirantes a projetores, afobados em fazer turismo astral, sem levar a sério a projeção, e dando mole vibracional. Pessoal, tem muita galera do lado de lá que estão doidinhos pra dar uma vapirizadinha nos desavisados. Aí, tem gente pensando agora, calma Nadja não exagera, não põe medo nos projetores, hehehe... tá bom, vou pegar mais leve(rs)... tudo na vida tem seu lado bom e o seu lado ruim, na minha cabecinha aqui Viagem Astral é sinônimo de responsabilidade. Se vc não estuda e não tá nem aí com sua reforma íntima, meu amigo, desculpa dizer, mas o bicho vai pegar p/ seu lado na hora de colocar seu corpixo astral p/ fora.. é como vc sair de madrugada sozinho, desarmado no ambiente mais perigoso de sua cidade, se depara com um pessoal barra pesada e créu. Bem, mas tem muitos lados positivos na VA, mas os pontos positivos da VA só acontecem se vc se preparar, se cuidar, vigiar, estudar, crescer, se esforçar pra ser um espírito melhor, enfim ter disciplina e cosmoética. Quando vc TEM PREPARO e se projeta e encontra um obsessor no astral isso é até bom pq lá vc estará de cara a cara com o "inimigo", sem véu, pau a pau, sacou? Algumas entidades fogem, se escondem, tem vergonha do que fazem nas escondidas(pois é, eles podem te ferrar mesmo sem vc ser projetor, médium, etc), tipo aquele homem invisível do filme, fazem barbaridades na entuca. Dá pra bater um papo as vezes, mas na maioria nem dá espaço pra isso, o negócio é casca grossa. Mesmo vc estando cheio de amor no coração, emanando altas energias, haverá certos danadinhos astrais que te ferram do mesmo jeito, o negócio é não dar uma de super herói, se puder fuja, chame os mentores, feche os ouvidos as más sugestões e comece a elevar ao máximo sua vibração, aí eles não terão acesso a vc. E nunca! nunca! revide a agressão, eles são especialistas, os caras sabem manusear a "arma" melhor que vc. Sempre RESPEITE. Acho que vou criar uma apostila no que se deve e não se deve fazer nos astral, me baseando nas minhas derrapadas astrais..hehehe.. quem sabe, né? Bem, vou indo nessa.. mas sinceramente, gostei deste tópico, vai gerar muitas reflexões positivas. Obg.

Abraços Fraternos

Nadja

Realmente, por isso atravez do estudos, da seriedade e com disciplina e bondado no coração nossos mentores vão nos ajudar e facilitar nossas viagens astrais.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Realmente existem perigos porem as chances de tu cruzar com um mago negro, que são praticamente os únicos que podem lhe fazer um real mal, são minimas, parece que vocês esquecem que projeção se faz todo dia consciente ou não, obsessão também acontece todo dia, afinal para o cara se manter em uma sintonia elevadissima para evitar isso e quase impossível.

Sem falar que tu possui 2 vantagens quando esta fora do corpo:

1-Corpo físico: Isso lhe transforma praticamente em um super homem no astral, isso não quer dizer para vocês saírem batendo em todo mundo, mais a maioria dos espíritos tem pouco ou nenhum conhecimento energético, ou seja no braço tu vence de qualquer um.

2-Mentor de olho em você: Caso apareça algum perigo real o mentor sempre vai estar ao seu lado para lhe ajudar a enfrentar ou lhe mandar como uma bala para o corpo físico.

Sem mencionar que se pode fazer escudos energéticos, plasmar um trem bala, usar sua energia para fazer ataques diretos, mantras e porai vai... :mrgreen:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vlw, tefovai! :mrgreen:

Tudo isso que você falou são conhecimentos que devem ser adquiridos com o intuito de se prevenir e proteger de ataques e perigos no astral. Mas sempre com equilíbrio! Não vamos ficar achando que só porque sabemos de algumas técnicas que nós vamos conseguir virar um super saiajin a partir o planeta no meio. :shock:

:lol:

Share this post


Link to post
Share on other sites

E ai gente, tudo bom?

Tefovai, discordo de você nesses dois pontos. Corpo físico não faz ninguém de super homem no astral, é só mais um corpo, que na maioria das vezes está sendo influenciado por espíritos. Acho que eles até preferem quando estamos aqui, por que servimos de marionetes pra eles. E voltar ao corpo depois de algum mal desentendido no astral não vai garantir sua segurança.

E sobre os mentores estarem de olho na gente, é verdade. Mas é rara as vezes que sofremos alguma interferência direta, eles não perdem uma oportunidade para deixar a gente sofrer e aprender. Nunca vá pro astral se garantindo nos mentores... rsrs

Sim, podemos fazer escudos energéticos ou plasmar defesas, mas lembrando que quem não tem essa prática, a tentativa disso pode custar a lucidez e sem lucidez por lá, as coisas ficam mais feias.

Discordo também no ponto que você fala que apenas magos negros trazem um real perigo. Quando acordamos muitas vezes estressados, com dores de cabeça ou cansados, creio eu que não foi um encontro com eles por lá... rsrs

Abraços. ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Obcessor??? Eu plasmo um aspirador de pó gigante... Não sobra um!

Foi só pra descontrair o tópico mesmo... Keep Talking!

abraços, rs.

Share this post


Link to post
Share on other sites

A energia animal que o corpo físico possui e muito útil no astral, afinal porque você acha que um cara totalmente estranho e que você nunca viu vai te obsediar.

Se servimos de marionete para eles acontece porque queremos, a única coisa que um espirito pode lhe fazer e soprar em seu ouvido e te levar ao engano, só quem tem conhecimento energético bom no astral pode atuar diretamente sobre seu corpo físico e isso e muito raro porque e necessário o espirito estar em sintonia com você e as energias dele ser compatíveis com as suas.

Escudos energéticos podem ser feitos no corpo físico mesmo.

As dores de cabeça e estress após acordar tem um motivos, tu foi drenado na noite passada u seja tu acorda mais cansado e na hora de drenar pela mistura de energias tu fica com as dores e o estress do espirito que te drenou.

Na minha visão mago negros são o único problema serio do astral, pra querer peitar um só sendo muito loko ou sendo um magista muito poderoso.

Mais também vale a velha máxima basta não arranjar confusão que e 75% de tu conseguir se projetar tranquilamente...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é irmão, quando me referi que não acreditava que esses sintomas fosse de um encontro com magos negros, foi já uma deixa pra dizer que são os obsessores e vampiros.

Não entendo muito quando você diz que magos negros são os únicos capazes de fazer algum mal, e ao mesmo tempo concorda comigo ao falar que somos drenados por algum espírito imperfeito e acabamos tendo cansaço, dores de cabeça, etc. Isso também não é um problema real?

Soprar nosso ouvido, é coisa de gente educada, só os mentores fazem isso. Espíritos que querem te fazer mal, te assediam até você perder o controle, gritam, batem, influenciam de todos os jeitos possíveis. Sei que servimos de marionetes porque queremos, somos responsáveis por nossas obsessões. Porém é muito fácil falar que para se livrar de uma obsessão é só querer, que podemos ter um controle sobre o que pensamos. Falarei aqui de modo generalizado, pois sei que a maioria não tem esse equilíbrio de se controlar e de se livrar de uma obsessão.

Namastê ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cansaço, dores de cabeça e estress se resolvem facilmente com anador e uma boa noite de sono, nem considero um problema serio, magos negros fazem BEM pior, com o conhecimento enérgico deles eles conseguem causar enfermidades graves, se tiverem oportunidade.

E se não somos nos pra se livrar de nossos obsessores então quem será? Quando a coisa começa a ficar mais seria, tipo o espirito agindo sobre seu corpo físico fazendo coisas que você não quer dai e necessário pedir ajuda em centros espiritas, terreros e afins, porque a situação saiu do controle. Mas enquanto um espirito não tiver isso ele so pode lhe sugestionar a fazer o errado, e isso não precisa ser projetor, medium ou coisa parecida basta estar vivo.

Cabe a nos sabermos diferenciar o certo do errado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Jr., nesses casos em que você citou (vampiros e obsessores em geral) não são riscos ligados restritamente à projeção consciente. Não é preciso ser um projetor pra ser vampirizado, nem pra sofrer obsessões. E no caso das obsessões, por mais bonito que seja dizer, é fato que se você praticar a higiene mental e o controle de suas vontades, os obsessores não vão conseguir nem ter sintonia com você. É claro que não é tão simples, como você mesmo disse. Mas a essência da resolução do problema é essa: a vontade. Já quanto aos magos negros, o que o tefovai quis dizer é que os espíritos que podem causar problemas realmente graves a você que se projeta, são os magos negros, cujo conhecimento e poder vai muito além dos obsessores e vampiros. ;)

Acho que foi mais ou menos assim que o tefovai quis dizer as coisas. :roll:

:mrgreen:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Concordo com vocês. Vampiros e obsessores não são riscos restritos à projeção. Porém, temos que lembrar que todo projetor consciente, consequentemente tem seu frontal desperto para a lucidez. Não lembro em que áudio ouvi isso, mas imagina você em um canto pouco iluminado e você estaria com uma lanterna(chakra frontal) acesa. Chamaria atenção, não?

É o que acontece quando estamos lá. A projeção astral atrai muito todo tipo de espírito para você. É ai que o perigo começa. Sua casa começa a virar um ponto de parada de espíritos. É ai também que a influência de tantos espíritos podem te levar a problemas mais sérios, como a depressão.

Só não queria que saíssem por ai achando que mago negro é o único problema sério. rsrs

Namastê. ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que os problemas maiores vem para as pessoas despreparadas.. por isso acho o topico muito importante, lembrar das responsabilidades que temos nunca é demais.

Tenho amigos que ja ficaram semanas inteiras com uma dor de cabeça continua.. e nenhum remedio resolvia. quando se chega a esse ponto o problema começa a te afetar psicologicamente tbm e ai sim pode atrapalhar tua vida.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Jr., eu não acho que seja exatamente dessa maneira que você colocou. Se fosse assim, o Saulo, o Wagner Borjes e o Waldo Vieira estariam (fvd1d0s) ferrados. Mesmo sendo como uma lanterna, se você não tem sintonia, ao invés de atrair, você vai afastar os obsessores. Seria como um farol espantando a escuridão (uma analogia meio exagerada, mas serve). Da maneira que você colocou, Jesus estaria com sérios problemas quando esteve encarnado. Ele devia ser um sol num mar de escuridão. Mas eu tenho certeza que ao invés de atrair, ele espantava. Não estou dizendo também que só por tentar me projetar eu viro um repelente anti-obsessor! Mas estou dizendo que se não houver sintonia, não vai haver atração. ;)

Entendeu meu ponto de vista? :)

:mrgreen:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Entendo sim seu ponto de vista. Mas quem disse que Saulo, Wagner ou o Waldo não tem problemas com essas coisas? Quem disse que Jesus não teve problemas sérios?

Em uma das minhas primeiras projeções, enquanto meu mentor me explicava sobre os riscos da espiritualidade, apareceu alguns "amiguinhos" e o atacaram, praticamente deram uma surra. E olha que é um mentor hein...

Verdade que quando não houver sintonia, não vai haver atração. Difícil vai ser não haver sintonia já que somos tão densos. Será que dá pra existir um verdadeiro equilíbrio aqui no físico? Não adianta falarmos de Krishna, Buddha, Jesus ou até de alguns mestres indianos. São casos particulares. Sei que todos aqui ainda estão buscando chegar ao equilíbrio que eles tiveram, e enquanto não chegarmos, a realidade é outra.

Namastê. ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

É claro que tiveram problemas. Todos nós temos problemas. Até porque se não tivéssemos, não precisaríamos estar aqui. Mas uma coisa é uma instabilidade momentânea de humor, algumas dores de cabeça, e irritabilidade. Já outra, completamente diferente, é ficar tão mal, por um período tão longo, em que se chegue a entrar em depressão ou em estados semelhantes. Entenda. Eu não estou dizendo que os vampiros e obsessores comuns são insignificantes, ou que o astral é um mar de rosas para os projetores. Mas não é algo como entrar em conflito com o chefe de uma favela e entrar vendado e desarmado nela no meio da noite. :shock:

Quanto a sintonia, eu não acho que, só por estarmos encarnados, tenhamos que entrar em sintonia com vampiros e obsessores. Agora, os problemas do dia-dia, e o bombardeio de energias densas que a gente recebe todo dia, sim, podem causar uma instabilidade, um desequilíbrio, de forma a nos aproximar da simtonia. Algumas vezes de forma mais pesada, outras vezes de maneira mais suave.

Em resumo, o que quero dizer é que se projetar não é como entrar cego no meio de um tiroteio. O astral é um abiente que tem seus perigos, sim. É um plano onde você pode, e vai, se deparar com espíritos mal intencionados que vão tentar te prejudicar. A frequência desses encontros vai depender da sua sintonia com aqueles tipos de espírito. E, como deve ser nesse plano, vão haver vários momentos em que você vá estar mais ou menos desequilibrado e em sintonia com esses danados malvadinhos. :twisted:

:)

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mas não é algo como entrar em conflito com o chefe de uma favela e entrar vendado e desarmado nela no meio da noite.(...)

Peço humildamente um pouco de cuidado no seu discurso. Perdão se eu estiver errada, mas acho que vc estar se referindo a analogia que eu fiz ao plano astral com o ambiente perigoso da cidade. Se assim for, peço mais atenção no que falei enteriormente: "Se vc não estuda e não tá nem aí com sua reforma íntima, meu amigo, desculpa dizer, mas o bicho vai pegar p/ seu lado na hora de colocar seu corpixo astral p/ fora.. é como vc sair de madrugada sozinho, desarmado no ambiente mais perigoso de sua cidade, se depara com um pessoal barra pesada e créu". Eu disse sair sem preparo é perigoso, repito perigoso se vc não estuda e não se preocupa com sua reforma íntima. É normal encontrar espíritos assediadores no plano astral, nem sempre ao sair vamos passear pelas altas planagens, pelas cidades espirituais iluminadas, lá sim a dimensão é mais etérea e vivem os espíritos mais equilibrados. O nosso mundo é um mundo inferior, a maioria dos desencarnados que habitam os planos próximos da crosta são espíritos desequilibrados, te fazem mal sim, mesmo sem te conhecer. Um bandido te rouba na rua porque te conhece ou tem algo contra você? Todo tarado estupra uma moça na rua porque a conhece? ah.. vamos ter mais cuidado, no que falamos aqui. Sou projetora consciente a mais de 10 anos, faço parte de trabalhos assistenciais e sou ajudada também. E nesses anos de experiência a coisa mais comum que eu vejo são os assediadores, muitos irmãos maus e desequilibrados perambulando nos planos próximos a crosta. Realmente, vc não precisa se projetar para sofrer tal perigo, mas os projetores estão mais visados, pois andam mais, trabalham mais e se metem mais. Estar encarnado num corpo físico denso não é muita vantagem, vc lá carrega mais matéria densa, fica mais pesado, é uma dificuldade até pra levantar um copo, seus movimentos são mais lentos, faz plasmagem com mais dificuldade, isso comparando com uma entidade desencarnada. A única vantagem que vejo de estar encarnada é poder se esconder no corpo físico ao sinal de perigo e mesmo assim isso não nos exime de assédio. Eu não quero transformar isso num bate rebate, cada qual tem sua verdade, mas estou falando isso porque me sinto na obrigação de alertar quanto as saidas do corpo com despreparo. Leiam, estudem e vejam com os próprios olhos e cada um tirará sua própria conclusão, eu já tenho a minha.

Paz e Luz

Nadja

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não, Nadja! :lol:

Eu não tava fazendo oposição ao seu argumento, não. Na verdade nem lembrava bem dele quaqndo escrevi. :roll:

Mas eu acho que a lembrança dele no meu sub-consciente me influenciou a fazer a analogia. De qualquer forma, eu penso parecido com você. E pra não deixar espaço para interpretações dúbias, eu repito: essa parte em que eu falei sobre a favela pode até ter sido inspirada pela sua fala, mas não foi escrita com o objetivo de discordar dela, ok? ;)

Desculpa aí pelo desentendimento. :oops:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Não, Nadja! :lol:

Eu não tava fazendo oposição ao seu argumento, não. Na verdade nem lembrava bem dele quaqndo escrevi. :roll:

Mas eu acho que a lembrança dele no meu sub-consciente me influenciou a fazer a analogia. De qualquer forma, eu penso parecido com você. E pra não deixar espaço para interpretações dúbias, eu repito: essa parte em que eu falei sobre a favela pode até ter sido inspirada pela sua fala, mas não foi escrita com o objetivo de discordar dela, ok? ;)

Desculpa aí pelo desentendimento. :oops:

Ah, tá explicado, amigo! Que bom que pelo menos todos aqui concordam que devemos nos preparar para as eventualidades que encontramos no astral. Não importa os termos, se são assediadores, magos negros, demônios, vampiros, incubus, sucubos, viciados astrais, irmãos inferiores, larvas astrais, vibriões, seres aglutinos etc. Pois no final de contas temos que nos proteger direitinho no físico e fora dele, para não sofrermos com a influência desses caras. O ser humano é criatura ainda muito frágil, deve cuidar do lado espiritual, não necessariamente pensando na vida futura, mas sim pensando no seu bem estar presente, não importa se seja projetor ou não.

Que o Amor Maior inspire luz em cada um de nós

Abraços Fraternos

Nadja

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.