Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Depressão


Orion
 Share

Recommended Posts

Bom mais uma vez venho postar sobre isso, eu melhorei mto ultimamente, mas praticamente todo dia vem uma tristeza q nao sei explicar, mesmo sabendo td q sei, rezando, fazendo coisas boas, tendo amizades, parece que nada adianta, sempre bate uma tristeza ,tenho ido em centros , tenho saido mais, mas chega uma hora q parece que nada faz sentido, e tudo q eu faço nao muda em nada meu humor, é bem passageiro, queria poder conseguir mudar isso, venho percebido isso desde os 15 anos, q era bem pior, é mais um desabafo doq uma duvida, mas gostaria de saber oq fazer, porq ja tentei de tudo praticamente pra melhorar. grato .

Link to comment
Share on other sites

Orion, Orion, Orion... rsrs

Antes de mais nada, gostaria de perguntar se você já foi a algum médico especializado. Depressão não é algo puramente espiritual, certo? A nossa medicina, mesmo que ainda seja uma recém nascida, já pode afirmar que a depressão está relacionada com um desequilíbrio químico de substâncias no cérebro. É claro que nós, espiritualistas, sabemos que a coisa vai muito além, mas não vamos radicalizar as coisas e nem ficar achando que devemos ignorar a nossa medicina convencional. Acho que você deveria consultar um médico e, se necessário, ser medicado com anti-depressivos. Não é nada de mais tomar um anti-depressivo, não, ok? Não é como se você fosse ficar dopado ou no mundo-da-Lua! :lol: Umas três pessoas da minha família tomam anti-depressivo, dentre elas está o meu pai e ele se comporta normalmente, vai trabalhar, me dá broncas e etc., pois um anti-depressivo é apenas um remédio que balanceia o desequilíbrio químico do cérebro. :)

Além disso, você deve ler o livro "O Poder do Agora", de Eckhart Tolle, que está aqui pra todos que quiserem baixar:

•O_Poder_do_Agora.pdf: http://www.mediafire.com/?h2dngq72w7yeok5

;)

Link to comment
Share on other sites

Eu tinha um puta preconceito com anti-depressivos, achava que deixava a pessoa "sem personalidade", "dopada", etc. Mas é como o Svedese falou: não é nada disso.

Eu sempre fui uma pessoa "meio triste", mas achava que era assim mesmo... que isso era apenas parte da minha personalidade. Até que, no começo desse ano, a coisa ficou tão feia que cheguei a levar um puxão de orelha no trabalho. Isso me fez decidir, finalmente, procurar um médico.

Fui a um psiquiatra e ele diagnosticou depressão e me receitou um remédio: foi a melhor coisa que me aconteceu no ano. Nunca me senti tão bem.

Recomendo que você procure um médico. Não fique sofrendo sem necessidade. ;)

Link to comment
Share on other sites

Estou tomando 150 mg agora antes era menor claro , e comecei faz qse 4 meses, tem dias q to bem , tem dias q vem uma depressao forte, no meu caso tambem é influencia, porq sempre qnd vou em centro, tem algo perto..., antes nao era assim, quando ia eu sempre tava de boa, depois dos 19 anos q começou a acontecer mais coisas assim, ouvi uma banda ontem que gosto kk , rezei meditei um pouco e hj to um pouco melhor, mas sempre tenho uma recaida obrigado pelas respostas.

Link to comment
Share on other sites

Orion, outra coisa que pode lhe ajudar é procurar um profissional para conversar. Um psicoterapeuta ou psicanalista. As vezes não sabemos de onde vem a tristeza, mas ao conversarmos com alguém que é treinado para "puxar" as coisas e ligar pontos, podemos descobrir pistas e isso poderá ser uma motivação para superarmos esse estado.

Um abraço

Link to comment
Share on other sites

Eu tinha um puta preconceito com anti-depressivos, achava que deixava a pessoa "sem personalidade", "dopada", etc. Mas é como o Svedese falou: não é nada disso.

Eu sempre fui uma pessoa "meio triste", mas achava que era assim mesmo... que isso era apenas parte da minha personalidade. Até que, no começo desse ano, a coisa ficou tão feia que cheguei a levar um puxão de orelha no trabalho. Isso me fez decidir, finalmente, procurar um médico.

Fui a um psiquiatra e ele diagnosticou depressão e me receitou um remédio: foi a melhor coisa que me aconteceu no ano. Nunca me senti tão bem.

Recomendo que você procure um médico. Não fique sofrendo sem necessidade. ;)

Alisson, seu depoimento foi muito esclarecedor.

Faz agente analisar ate que ponto a tristeza que persiste não seja depressão.

Na dúvida, melhor procurar um profissional mesmo.

Grande abraço.

Link to comment
Share on other sites

Oi Orion,

Lí recentemente o livro "Sindrome do Estrangeiro" da Malu Balona. Ela propõe a existência dessa doença de origem espiritual e também o tratamento, não é uma auto-ajuda, então seria o caso de procurar um proficional psicoterapeuta com formação espiritualista e apresentar o livro para que seja ajudado. A orígem da síndrome é uma saudade do plano espiritual. Busquei na net um resumo:

A Síndrome do Estrangeiro é a sensação de nostalgia pelo ambiente e/ou pelas pessoas, o sentimento de inadaptação, melancolia aguda, apatia, depressão, caracterizando um quadro de saudades de lugares e pessoas desconhecidas. Esta sensação de ser um estranho no ninho, característica de muitos projectores conscientes, parapsíquicos, hiperactivos e sobredotados, aparece muito frequentemente acompanhada de um sentimento de insatisfação e procura permanente de respostas.

Então, se você se identifica com os sintomas está aí a dica.

http://www.shopcons.com.br/produtos_des ... produto=82

Abraços,

José

Link to comment
Share on other sites

Oi Orion,

Lí recentemente o livro "Sindrome do Estrangeiro" da Malu Balona. Ela propõe a existência dessa doença de origem espiritual e também o tratamento, não é uma auto-ajuda, então seria o caso de procurar um proficional psicoterapeuta com formação espiritualista e apresentar o livro para que seja ajudado. A orígem da síndrome é uma saudade do plano espiritual. Busquei na net um resumo:

A Síndrome do Estrangeiro é a sensação de nostalgia pelo ambiente e/ou pelas pessoas, o sentimento de inadaptação, melancolia aguda, apatia, depressão, caracterizando um quadro de saudades de lugares e pessoas desconhecidas. Esta sensação de ser um estranho no ninho, característica de muitos projectores conscientes, parapsíquicos, hiperactivos e sobredotados, aparece muito frequentemente acompanhada de um sentimento de insatisfação e procura permanente de respostas.

Então, se você se identifica com os sintomas está aí a dica.

http://www.shopcons.com.br/produtos_des ... produto=82

Abraços,

José

Pra mim isso se chama frescura! :lol:

Não vou dizer que não sinto isso, pois as vezes me pego pensando como seria legal se eu já tivesse terminado essa encarnação e pudesse voltar ao cotidiano astral, mas isso só resume uma preguiça de trabalhar e uma falta de coragem pra enfrentar as dificuldades de uma encarnação. ;)

Link to comment
Share on other sites

Eu tomo há dois anos antidepressivos, e o que eu mais aprendi esse tempo todo: não fazem milagre algum! Se quer melhorar de verdade, busque outras alternativas, como psicólogo, yoga, esporte, mude seus hábitos alimentares, enfim, faça algo diferente por você e verás a verdadeira mudança! ;)

E se achar que precisa de alguma ajuda espiritual, acho que não tem nada melhor do que meditar e tentar sempre que possível ter bons pensamentos. Simples, fácil e útil!

Como diria a minha psicóloga: veio um pensamento negativo? Cubra-o com dois positivos.

Assim você vai treinando você mesmo a ter boas vibrações a toda hora.

Boa sorte aê com os remédios. Eles ajudam muito, e não se deixe ter preconceito com eles e desistir do tratamento. Eu fiz isso e tive uma recaída que eu nem imaginava que ia ter, foi terrível!

Link to comment
Share on other sites

Pra mim isso se chama frescura!

Frescura porque não é com você.

Uma tia minha teve depressão. A conheci antes da doença, acompanhei todo o precesso da depressão e hoje ela está curada. Depois dessa experiência nunca mais falo que é frescura. Isso é coisa séria e precisa de ajuda proficional.

Link to comment
Share on other sites

Pra mim isso se chama frescura!

Frescura porque não é com você.

Uma tia minha teve depressão. A conheci antes da doença, acompanhei todo o precesso da depressão e hoje ela está curada. Depois dessa experiência nunca mais falo que é frescura. Isso é coisa séria e precisa de ajuda proficional.

Sem dúvida! Para saber realmente a gravidade disso, só passando...mas da pra ter uma idéia quando presenciamos a doença em uma pessoa próxima.

Isso está muito longe de ser frescura, fraqueza ou qualquer coisa do tipo. Ela te consome e destrói sem você perceber. Geralmente só se busca ajuda quando já está no fundo do poço.

E um detalhe que a maioria ignora: Problemas psicológicos e emocionais TODOS tem, em menor ou maior grau. Os transtornos mais graves são somente o copo D'agua transbordando.

Estou em tratamento já fazem 3 anos (agora que estou melhorando...), e depressão eu só desejo aos meus inimigos...rsrsrs

Link to comment
Share on other sites

Pra mim isso se chama frescura!

Frescura porque não é com você.

Uma tia minha teve depressão. A conheci antes da doença, acompanhei todo o precesso da depressão e hoje ela está curada. Depois dessa experiência nunca mais falo que é frescura. Isso é coisa séria e precisa de ajuda proficional.

Mas não me referi à depressão. Falei com relação à síndrome do estrangeiro. ;)

Link to comment
Share on other sites

Eu tive depressao na oitava serie, mas foi diminuido com o tempo, fiquei depressivo de tanto ser humilhado e zoado na escola, depois que terminei me senti mto bem, ate 2009 estava bem nao era tao depressivo assim, tinha meus momentos de tristeza mas dava pra levar a vida, tinha lido ate entao livros espiritas, depois fiquei cada vezes mais curioso em saber as coisas , entao fui pesquisar e a medida q fui aprendendo fui mudando meu jeito de ser e fui percebendo o jeito das outras pessoas, isso fez com que me afastasse de muitas delas, os motivos sao varios, desde personalidade ,ate atitudes e coisas simples que pra mim nao da mais, a convivencia com as pessoas ta cada vez mais dificil, e ate lugares pra sair ta ficando complicado

sobre a sindrome que José citou,eu sempre gostei de ficar olhando as estrelas nao sei se tem algo a ver, mas a maioria das vezes que fico olhando sempre vejo algo diferente, apos 10 min vendo apareceu uma "estrela" ela estava seguindo em linha reta e na altura q tava a velocidade era mto grande, depois veio vindo uma logo atraz mantinham a mesma distancia e velocidade e uma seguindo a outra, ja aconteceu varias vezes qnd fico olhando mto tempo, nao sei oq pode ser , bom enfim, eu na maioria das vezes me sinto estranho na multidao, como se eu estivesse no lugar errado é uma sensaçao estranha mesmo, li algo a respeito em um livro, acho q a medida q a pessoa vai ganhando consciencia ela vai tendo essas sensaçoes ,nao sei, um colega meu me disse uma vez uma coisa que faz bem sentido,no desenho entre o papa leguas e o lobo, o lobo q é inteligente e conhece a gravidade qnd chega no penhasco ele cai, o papa leguas como nao tem conhecimento ele flutua, o sentido disso é quanto mais conhecimento vc tiver, mais complicado sera, principalmente a convivencia, no meu caso esta assim.

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...