• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
larahati11

OS GNOSTICOS SAO ARROGANTES?

Recommended Posts

Oi, pessoal!

É a primeira vez que vou postar algo aqui no fórum, apesar de acompanhar a comunidade há um tempo (timidamente :P ).

Sei que o tópico é antigo, mas me chamou bastante atenção. Vou explicar o porquê:

Tempos atrás me projetei em um templo gnóstico no astral. Não foi intencional, quando fiquei consciente eu já estava lá. No instante seguinte, soube que tinha ido parar lá para estudar um pouco a filosofia deles - eu não sigo nenhuma religião, mas gosto de estudar e aprender um pouquinho de tudo. - Pois bem, eu fui particularmente mal-recebida naquele local. Todos pareciam incomodados com a minha presença lá, afinal, "eu não era uma deles" (não era iniciada). Expliquei pra todos que eu estava lá apenas para estudar, que eu não pretendia me iniciar, que queria apenas aprender um pouquinho dos ensinamentos deles, mas foram muito poucos que aceitaram me ensinar alguma coisa (do qual já nem lembro mais), e ainda assim me ensinaram com um pé atrás e muita impaciência.

Bom, esse é meu pequeno relato.

Não conheço muitos gnósticos no plano físico, então prefiro não julgar, mas essa foi minha experiência com eles no astral. :roll:

Obrigada por lerem e abraços n'alma!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Valew Lina !!!

o q complica pra mim nos estudos da Gnose, são esses templos e o pessoal da Fraternidade Branca ou da Luz... ainda não tive um encontro consciente com esse pessoal da gnose...

meus recentes sonhos ou projeções parece q estou sendo testado ...algum tipo de iniciação.. pois sinto q estou sendo observado... e sempre caio em tentações q é quando acordo. :shock:

vc estava estudando algum assunto especifico ou só conhecendo a Gnose?? o q aconteceu depois??? :shock:

espero q vc fale mais sobre suas projeções na parte de Relatos Astrais aqui do forum >> viewforum.php?f=3

fala mais !!! :pal: fiquei animado com seu relato... esse mes vou tentar conhecer essa turma da gnose no astral... 8-)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá, Martyn!

Pelo que eu lembro, estava lá apenas para conhecer a Gnose, não para estudar algo específico. No plano físico, costumo estudar e buscar conhecimento em quase todas as religiões/filosofias, porque acredito que todas tem algo de bom para nos acrescentar. Então o sentimento que eu tinha naquela noite era exatamente esse; estava buscando genericamente por algo que pudesse me acrescentar, mas dessa vez era na Gnose.

A primeira coisa que lembro de ter visto por lá foi um grupo de pessoas me olhando torto, incomodadas com a minha presença. Dentre eles, uma garota de uns 19, 20 anos, veio a frente e gritou comigo, extremamente irritada comigo por eu estar dentro do templo "e não ser um deles". Sei que respondi algo, mas não lembro o que. Com isso todos me olharam mais torto ainda.

Nessa hora veio um senhor, que parecia ser um pouco mais educado/pacífico, que me tirou do meio deles e me levou para um canto, para conversar. Pedi desculpas por ter gritado com a moça e disse que só estava me defendendo, mas ele me olhou e falou "Tá, mas então você ainda não é iniciada?" como se dissesse: "Viu só, se você fosse iniciada essas coisas não aconteceriam". Eu respondi: "Não sou não... na verdade, acho que não quero ser iniciada, só estou aqui hoje para estudar".

Então ele começou a conversar algumas coisas comigo sobre gnose e também sobre Jesus. Ele fez um comentário que me chamou bastante atenção: ele disse que Jesus era gnóstico. (não sei se procede).

Em seguida pedi para ele algum lugar no templo onde eu pudesse rezar. Ele me encaminhou para um canto onde tinha umas pedras e sementes no chão, e me pediu para pegar alguma delas, pois que aquelas sementes e pedras "continham Deus". Admito não ter entendido muito bem essa parte, mas botei uma semente entre as minhas duas mãos, em posição de oração, fechei os olhos e senti uma descarga fortíssima no meu corpo, um espasmo enorme. Larguei ela na hora e pensei que era energia demais e não seria bom ficar segurando por muito tempo.

Depois disso não lembro de muitas coisas mais, mas eles sempre me encaminhavam pra algumas pessoas que aceitavam me instruir, mas eram realmente poucas, e mesmo assim elas falavam comigo de forma impaciente e sempre com um pé atrás.

Lembro também de ter caminhado algumas vezes dentro de um triângulo retângulo, sempre com passos de 3 em 3... e o templo tinha uma árvore imensa, bem no centro, tipo aquela árvore da Galadriel. :)

Sei que teve muito mais coisas, que recebi instruções, mas elas foram para o meu espírito, não as trouxe para a consciência.

Não estava 100% consciente nessa ocasião, então muitas coisas estão misturadas com onirismos, mas que eu estive lá, estive.

Enfim, Martyn, obrigada pelo convite, vou tentar participar mais. =)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sei que teve muito mais coisas, que recebi instruções, mas elas foram para o meu espírito, não as trouxe para a consciência.

Não estava 100% consciente nessa ocasião, então muitas coisas estão misturadas com onirismos, mas que eu estive lá, estive.

com essa lucidez e com esse conhecimento em Viagem Astral... com certeza vc é iniciada ;)

VALEW !!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ola pessoal, eu sou gnostico amo a gnosis ela me fez crescer muito intelectualmente e espiritualmente, quando conheci a gnosis eu fiquei obsessivo e li 100 livros em um ano, e vou dizer seriamente eu fiquei meio pertubado psicologicamente na epoca, adquiri muito conhecimento, sobrecarreguei minha mente, e como alguns disseram comecei a julgar tudo e todo mundo, algo que foi uma atitute totalmente contraria ao ensinamento gnostico, foi fruto do meu proprio ego que tinha começado a ver o mundo com olhos de um religioso fanatico que não observava seus proprios defeitos, não olhava para seu interior, mas apenas observava defeitos dos outros e os julgava, apesar de eu julgar na grande maioria das vezes apenas dento de minha mente.

Tambem me envolvi em muitas discussões com minha familia que tambem é uma familia de evangelicos fanaticos.

Mas como eu disse tudo fruto de mentes pertubabas, pessoas fanaticas discutindo para provar sua "verdade absoluta".

Obviamente não iria dizer tudo isso ai atras se essa situação não tivesse se modificado, hoje depois de muito ter praticado, meditações, buscando o despertar e o eliminar do ego, sou a pessoa mais calma e mais tranquila da qui de casa, raramente me envolvo em discussões raramente critico alguem, ou me envolvo em brigas alheias, quando me criticam ou criticam minha religião eu simplesmente silencio, não perco minhas energias mentais em brigas sem sentido.

E concordo com oque o nosso amigo instrutor de gnosis falou, Samael cometeu muitos erros, eu mesmo ja encontrei dezenas delas, ele realmente tinha uma agressividade em suas palavras, mas porque ele ainda possuia egos e muitos defeitos e provavelmente um fanatismo religioso que é muito prejudicial.

Ademais eu aprendi muito com a gnosis, ja tive varios despertares e tenho uma vida mais pacifica, feliz e com menos desejos, sou muito grato por ter conhecido a gnosis e absorvido tudo oque foi bom e necessario para mim, e filtrado ou compreêndido os erros que a gnosis tem, como todas as outras religiões tambem, e obviamente eu não estudo só gnosis, ja estudei dezenas de autores diferentes e aprendi muita coisa boa tambem.

bom é isso ai pessoal eu aconselho muito o estudo de gnosis, principalmente o livro "alquimia V.M. Lakshmi" acho que as joais do dragão amarelo tambem um bom livro, apesar de possuir alguns erros tambem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em relação a Lina e esse negocio de iniciação, experiencia em um templo gnostico no astral, te digo com toda a certeza, você não estava em um templo gnostico na presença de Mestres Espirituais, Mestres não possuem ego e não tratam ninguem com maldade ou preconceito, e a iniciação na gnosis e algo interno e esta relacionado com a magia sexual, ninguem pode te iniciar no astral dessa maneira, muito menos te obrigar a isso lol.

E triste ver as pessoas criticando a gnosis, dizendo coisas que não tem nada a ver com o ensinamento gnostico.

Eu mesmo nunca fui a um templo gnostico no astral, Nem nunca vi um Mestre mas ja tive experiencias despertas no astral, experiencias no corpo fisico com a consciencia desperta, e sei que um ser desperto, nunca faria mal a outro ser.

Share this post


Link to post
Share on other sites

q nada Israel... no astral a mascara do mundo físico cai :shock: ... ela pode ter ido sim num templo gnostico... ela não falou em mestre... falou de gente q tava estudando tb como ela... mas q tinha passado num processo de iniciação....mesmo assim... gnostico não é santo :shock: ...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Israel, a sensação que eu tive lá no templo foi essa mesma que o Martyn falou: nenhum parecia ser um Mestre, todos pareciam estar apenas projetados lá, assim como eu, com a diferença que eles eram estudantes de gnose no plano físico e eu não.

Como não sou gnóstica, com certeza não conheço elementos o suficiente da filosofia pra julgar se eu estava em um templo "real" ou não. Também não entrei no tópico para criticar e dizer que a gnose é ruim, apenas quis relatar essa experiência que tive, que eu sequer sei por que tive. :geek:

Acredito com certeza que a gnose tem elementos valiosos e que verdadeiros Mestres existem mas, assim como você relatou, muitos gnósticos com valores errados existem, e provavelmente foi com esses tipos que me encontrei.

Vou procurar ler os livros que tu me indicastes e buscar me informar cada vez mais!

Mas, já que és um gnóstico experiente, vou aproveitar e perguntar: esses elementos que vi no templo (as pedras e sementes, o caminhar no triângulo de 3 em 3 passos, a história de jesus ser gnóstico, a árvore central), você os reconhece como sendo elementos gnósticos?

Muita paz e obrigada pela resposta!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá Lina e a todos,

me infiltrando aki ... hehe

bem, o significado dos elementos eu não tenho conhecimento. Mas a questão de que Jesus era/é gnostico é verdade. O Mestre Jesus foi judeu e participava da ordem dos essenios, a ordem dos essencios é um grupo seleto de judeus que são revelados os misterios gnosticos, foi onde ele deu inicio aos estudos da Kabala, a alquimia, desdobramento astral, ciencia de Jinas, magias e tantos outros arcanos. E ele teve que viajar para o Egito, Tibet e outras escolas de misterios para obter do conhecimento gnostico.

Devemos entender que Gnosis significa Conhecimento, o conhecimento interior de si mesmo que o conhecimento dos deuses e do universo. Todo aquele que obtem desse conhecimento, obtem o conhecimento gnostico.

:) abraços..

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa noite pessoal!

Vou colocar minhas observações aqui!

De ante-mão peço desculpas pelo tamanho do post, hehehehe...

Olá, Martyn!

Pelo que eu lembro, estava lá apenas para conhecer a Gnose, não para estudar algo específico. No plano físico, costumo estudar e buscar conhecimento em quase todas as religiões/filosofias, porque acredito que todas tem algo de bom para nos acrescentar. Então o sentimento que eu tinha naquela noite era exatamente esse; estava buscando genericamente por algo que pudesse me acrescentar, mas dessa vez era na Gnose.

A primeira coisa que lembro de ter visto por lá foi um grupo de pessoas me olhando torto, incomodadas com a minha presença. Dentre eles, uma garota de uns 19, 20 anos, veio a frente e gritou comigo, extremamente irritada comigo por eu estar dentro do templo "e não ser um deles". Sei que respondi algo, mas não lembro o que. Com isso todos me olharam mais torto ainda.

Acredito que você estava em projeção astral consciente ( ou semi consciente, como você mesma afirma ao final de seu relato), e encontrou-se com estudantes gnósticos do plano físico. Samael Aun Weor, o sintetizador da Gnosis comtemporânea, nos relara sobre o “adormecimento da consciência”, que é a mesma coisa que o Saulo nos comenta em seus áudios, ou o Waldo Vieira, Wagner Borges e Moises Esagui em seus livros/ palestras, quando afirmam que a maioria de nós, seres humanos, estamos como “zumbis” no mundo espiritual (astral). Bem, a menina gritou contigo pois você estava dentro de um templo gnóstico e “não era um de nós (Já que eu sou gnóstico também).” Esta pessoa que gritou contigo provavelmente estava adormecida naquele momento, já que não percebeu este fato curioso, o de uma pessoa “não-iniciada” estar dentro de um Lumisial Gnóstico.

Nessa hora veio um senhor, que parecia ser um pouco mais educado/pacífico, que me tirou do meio deles e me levou para um canto, para conversar. Pedi desculpas por ter gritado com a moça e disse que só ".

O adormecimento da consciência fez com que os gnósticos lá não percebecem que estavam todos em astral. Primeiro ponto interessantíssimo do seu relato é você saber (e isso é o mais legal, através da sua própria experiência – GNOSIS) que existe uma iniciação gnóstica, e justamente por não tê-la, estavam os gnósticos identificados com este acontecimento. Lina, gostaria que vc soubesse que GNOSIS é justamente isso, EXPERIMENTAÇÃO DIRETA DA VERDADE, ou seja, através da Viagem astral vc descobriu por você mesma que, por exemplo, existe um ritual de iniciação gnóstico. Você já sabia disso antes? Já havia lido algo sobre isso?

Segundo ponto interessante do seu relato, é que seu Deus interior, ou seu SER, ou apenas DEUS (como queira chamar), te botou dentro de um Lumisial Gnóstico para aprender determinadas coisas, que mesmo que sua mente física não consiga lembrar, tenho certeza que ficaram em sua consciência.

Uma reflexão: Porque seria permitido à você entrar em um templo gnóstico sem ser iniciada, se isso não fosse possível? Acredito que no mundo físico realmente você não entraria, mas no mundo espiritual é possível sim! Conheço um amigo que antes de ser iniciado sabia alguns detalhes físicos, algumas características, que ficou sabendo através da Projeção astral...

Eu respondi: "Não sou não... na verdade, acho que não quero ser iniciada, só estou aqui hoje para estudar".

Então ele começou a conversar algumas coisas comigo sobre gnose e também sobre Jesus. Ele fez um comentário que me chamou bastante atenção: ele disse que Jesus era gnóstico. (não sei se procede).

Terceiro ponto legal do seu relato, é este senhor que conversou contigo - que provavelmente seja o responsável pelo Lumisial – ensinando-lhe sobre o Gnosticismo e dando uma outra informação preciosíssima, de que Jesus Cristo era Gnóstico. Isso tem fundamento sim, como disse nosso amigo Guripunk, Jeshua Ben Pandirá (Este era o nome de Jesus, segundo alguns livros Judeus que fazem alusão à ele) foi um homem comum e qualquer, como eu e você, que procurou dentro dele mesmo a GNOSIS, o conhecimento espiritual interno. Ele fazia parte dis Essênios, que eram a sociedade esotérica do Judaísmo, assim como os Sufis são do Islamismo, etc... Através da sabedoria que Jeshua adquiriu nas suas viagens ao Tibet, Egito e em outras culturas, Jeshua Ben Pandirá (Jesus) encarnou dentro de si o que nós- gnósticos - denominamos de “Princípio Crístico Universal”. Todos nós podemos (e devemos) encarnar esta “energia” em nosso interior. Então quando passamos a ver as palavras de Jesus na Bíblia com outros olhos (Não como se a personalidade de Jeshua falasse, mas como se a Energia Divina dentro dele falasse), fica bem mais fácil compreendermos as passagens dos evangelhos.

Eu particularmente gosto de me referir à Cristo, e não a Jesus, pois é a Energia Crística que fala através de Jesus. CRISTO não era o sobrenome de Jesus, o pai de Jesus não era “José Cristo” e sua mãe não era “Maria Cristo”. Cristo NÃO é um sobrenome como o meu é Ferreira (meu nome é Kleiton Luiz Machado Ferreira), mas CRISTO é um GRAU, uma QUALIDADE, que significa “O UNGIDO”, assim como BUDA significa “O DESPERTO”.

Quando Cristo nos diz: “Eu sou a Luz, a verdade e a vida, e ninguém vai ao pai, senão por mim”, compreende-se que é a ENERGIA CRÍSTICA a Luz, a Verdade e a Vida, e não simplesmente a personalidade humana de Jesus. É através da ENERGIA CRÍSTICA que chegamos à Unidade, ao TAO, ao Pai, ao SER, ou simplesmente, DEUS.

Em seguida pedi para ele algum lugar no templo onde eu pudesse rezar. Ele me encaminhou para um canto onde tinha umas pedras e sementes no chão, e me pediu para pegar alguma delas, pois que aquelas sementes e pedras "continham Deus"

Quarto ponto legal do seu relato é este, onde este senhor lhe disse que aquelas sementes e pedras continham DEUS. Muito legal mesmo, porque para nós, gnósticos, DEUS está em absolutamente tudo o que existe. Dentro de uma pedra, por exemplo, existem consciências, assim como eu e você, mas que estão em estágio inicial de desenvolvimento (São os denominados elementais. Das pedras e minérios, os duendes e gnomos). Por isso temos em nossa mitologia que os Gnomos e Duendes “trabalham” nas minas de pedra, como em alguns contos de fada. Já as sementes (vegetal), também possuem um consciência dentro delas, um pouco mais desenvolvidas que as minerais. São os elementais da natureza. Realmente, DEUS está dentro de cada coisa existente neste Universo.

Não sei se você já viu um filme chamado “Stigmata”. Se não viu, procure-o é muito bom. Fala justamente sobre um evangelho gnóstico, o evangelho apócrifo do apóstolo Tomé. Há uma passagem neste evangelho muito linda, que diz mais ou menos o que você experimentou: “Jesus disse: "Sou eu que sou a luz que está acima de todos eles. Sou eu que sou o Todo. De mim saiu o Todo e até mim chegou o Todo. Rachai um pedaço de madeira, e eu estou lá. Levantai a pedra e aí me encontrareis.”

Admito não ter entendido muito bem essa parte, mas botei uma semente entre as minhas duas mãos, em posição de oração, fechei os olhos e senti uma descarga fortíssima no meu corpo, um espasmo enorme. Larguei ela na hora e pensei que era energia demais e não seria bom ficar segurando por muito tempo.

Você lembra-se do que você sentiu? Quais sensações?

Depois disso não lembro de muitas coisas mais, mas eles sempre me encaminhavam pra algumas pessoas que aceitavam me instruir, mas eram realmente poucas, e mesmo assim elas falavam comigo de forma impaciente e sempre com um pé atrás. Lembro também de ter caminhado algumas vezes dentro de um triângulo retângulo, sempre com passos de 3 em 3... e o templo tinha uma árvore imensa, bem no centro, tipo aquela árvore da Galadriel

Qual é a Árvore da Galadriel? Você tem alguma foto dela? Se é a mesma que estou pensando, parece-se com a Yggdrasil, a árvore celta, que sustenta o mundo. Esta Árvore, na minha concepção é uma árvore simbólica, que representa a Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal, raiz do autoconhecimento).

Sei que teve muito mais coisas, que recebi instruções, mas elas foram para o meu espírito, não as trouxe para a consciência.

Não estava 100% consciente nessa ocasião, então muitas coisas estão misturadas com onirismos, mas que eu estive lá, estive.

Enfim, Martyn, obrigada pelo convite, vou tentar participar mais. =)

Bem, desculpem-me pelo post imenso, mas senti a necessidade de comentá-lo.

Àqueles que se sentirem à vontade, estarei à disposição.

Obrigado, Boa noite!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Puxa, Kleiton, não precisa pedir desculpas, muito pelo contrário; fiquei feliz pela resposta tão completa e esclarecedora!

Lina, gostaria que vc soubesse que GNOSIS é justamente isso, EXPERIMENTAÇÃO DIRETA DA VERDADE, ou seja, através da Viagem astral vc descobriu por você mesma que, por exemplo, existe um ritual de iniciação gnóstico. Você já sabia disso antes? Já havia lido algo sobre isso?

Não afirmo com certeza que eu já sabia, mas eu deduzia que a Gnose era iniciática. Porém, de onde surgiu essa dedução, eu não sei. Talvez eu já tenha recebido essa instrução anteriormente em alguma projeção do qual não tive registro. É uma possibilidade. =)

Você lembra-se do que você sentiu? Quais sensações?

Lembro de ter sentido aquilo que descrevi: fechei a semente entre as minhas duas mãos (em posição de oração) e levei uma descarga fortíssima na região do cardíaco, um choque/espasmo muito forte. Lembro que o senhor (que você diz ser o resposável pelo Templo) me disse que não seria seguro segurar o elemento por mais do que 3 segundos, porque a energia era forte demais. Quando levei a descarga senti que realmente era melhor não segurar mais, porque a energia era tão forte que eu não aguentaria.

Mas, em geral, me senti bem, era uma boa energia com certeza.

Qual é a Árvore da Galadriel? Você tem alguma foto dela? Se é a mesma que estou pensando, parece-se com a Yggdrasil, a árvore celta, que sustenta o mundo. Esta Árvore, na minha concepção é uma árvore simbólica, que representa a Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal, raiz do autoconhecimento).

Aqui tem uma ilustração:

lothlorien.jpg

Apesar de que na imagem são várias árvores, o local seguia mais ou menos esse padrão: essa escuridão florestal, chão de terra batida e pedras, musgos, frescor, muitas árvores e uma imensa árvore central, cujos galhos cobriam quase todo o centro. Lembra, com certeza, a Yggdrasil.

O vídeo de Lothlorien na versão cinematográfia do Senhor dos Anéis:

Mais uma vez, te agradeço, Kleiton, pela disponibilidade de vir responder e compartilhar conhecimento com todos nós.

Obrigada também ao Guripunk pelas informações valiosíssimas acima.

Com certeza agora compreendo muito melhor a minha experiência.

Paz a todos!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá amigos,

Estou iniciando os comentários aqui neste espaço, gostaria de falar um pouco à cerca da Gnosis, como vejo que há muitas colocações sobre SAW e o gnosticismo contemporâneo.  Primeiramente gostaria de saber, as notificações do site vão para o nosso e-mail? Digo para me manter atualizado hehee!

Desde já agradeço!

Forte abraço a todos!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vai para o email se suas configurações de notificações estiverem ajustadas para isso, Se não me engano essa opção está no automático. Mas como voe deve ter visto, esse tópico é antigo e deve ter ainda só um ou dois membros ativos desse discussão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse tópico é meio antigo mas vou comentar, percebi coisas estranhas na gnose samaelina, tipo: 

Sempre que o Samael fala de pessoas que não são gnosticas ele as chama de "ignorantes" e "não conhecedores da verdade"

Ele já disse que ele é a única pessoa que sabe da verdade, e que todos os espiritualistas podem achar ruim mas estão todos errados

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando as pessoas discordam, uns estão de fato certos, e quem discordar deles estará sim errado. A verdade não é democrática, não é a média, não é o que agrada a maioria. Ela é o que é, quem a capta, capta. Os outros tem que se contentar só com meras opiniões.

Se a pessoa está certa e os outros são de fato ignorantes, é seu dever alertar. Se a pessoa CRÊ que está certa e CRÊ que os outros são ignorantes, eu diria que também é seu dever falar, porque seria crueldade deixar um ignorante atolado na sua ignorância e não avisá-lo. Muita gente faz isso porque quer se divertir vendo o outro quebrar a cara. O "não criticar, não discutir", as vezes é mero instinto de vingança com o teimoso, tipo "deixa ele se ferrar vai ser bem feito, assim aprende, kkkk". Mas da boca para fora dizem "não vou discutir porque eu respeito sua opinião".

Mais de uma vez na minha vida estudantil foi o único a acertar certa questão problemática de prova. Era engraçado ver toda a turma rindo da minha cara e dizendo "e tu acha que só tu ia acertar? Todo mundo aqui fez desse mesmo jeito, só tu fez diferente e acreditam que estão todos errados e tu certo?!". E aí  quando vinha a correção, só eu tinha acertado, a turma inteira tinha errado. Ficavam com cara de besta depois. 

E fora da vida estudantil também isso sempre foi bem comum. É da vida, acontece mesmo. Só que fora da vida estudantil é mais fácil as pessoas se auto-enganarem, então se criam aquelas idéias de que "cada um tem sua verdade", que tudo tem várias formas certas de fazer, etc . De fato para MUITAS coisas é assim, mas para outras não, para outras pau é pau, pedra é pedra, e não adianta teimar.

Agora, quem de fato não sabe se está certo, não pode afirmar nada com certeza. Fazer o que né?

O problema é que  quem ouve uma pessoa falar isso, com tanta certeza,  não tem como saber se ela de fato é detentora da verdade ou apenas um bicho iludido, megalomaníaco. Tem que fazer suas escolhas, seu juízo,  baseadas no seu próprio nível de compreensão, não tem como perceber além disso.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

"A verdade não é democrática" O problema é as pessoas consideram as próprias opiniões e visões de certos assuntos como "A verdade", têm muita coisa que o Samael acredita que é de um jeito tal e ponto, mas outras pessoas fazem a mesma de um jeito completamente diferente e funciona, e existem coisas que claramente são opiniões pessoais, que não têm nada a ver com ser uma "regra" do universo, e que várias pessoas podem ver de um jeito diferente e mesmo assim não estarem "erradas", o problema do que o Samael falou sobre ser o único que sabe a verdade é que isso deixa a entender que o que ele sabe é que é a verdade, até mesmo coisas que são apenas opiniões e modos de se ver algo.

Mas o foco  do meu post mesmo foi falar de como ele fala de pessoas com crenças diferentes das dele, ele já falou de pessoas com crenças diferentes de um jeito realmente meio arrogante e com um tom de: "o meu jeito de fazer as coisas é o único certo", essa citação do que o Samael disse foi só um exemplo. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, mas você percebe que para ele não se trata de crenças? É como Jesus dizendo "Eu sou o Caminho a Verdade e a Vida" , ou " Ai de vós escribas e fariseus hipócritas!!!"... isso não é visto como a "opinião de Jesus". Ou Budha ensinando que o caminho dele é que levava a libertaçao, nao os outros caminhos que ele tinha experimentado.

Esses caras só fazem o que fazem porque vem a si mesmos como estando num estado bem acima do nosso, portanto acreditam que  conhecem a Verdade sobre cada coisa, e não se veem ensinado meras crenças pessoais.

Se de fato eles são quem alegam ser, só eles sabem, nós não.

 Se eles achassem que a opiniões dos outros valem tanto quanto a deles não teria sentido assumir o papel que eles assumiram. Jesus teria continuado sendo marceneiro, Budha teria voltado para seu palacio, esposa e filhos, pois veriam o que pensavam como estando no mesmo patamar dos outros. É exatamente por não pensarem assim , por terem muita segurança que o que eles sabem vale muito mais do que o resto das pessoas sabe, é que eles "saíram a campo" tentar mostrar ao mundo que eles estão certos e o resto todo do mundo errado . Então não dá para esperar deles que vejam as opiniões e crenças dos outros da mesma forma que eu e você vemos.

Somos nós que temos que ver as afirmações deles como meras crenças, porque nos não sabemos quem esta certo. É uma atitude defensiva salutar para nós. Daí a serem meras crenças mesmo...  há uma enorme distância.

Esses tipo de cara que se apresenta como trazendo algo diferente não tem como ver as coisas como vemos, ou sua "missão de vida" não faria qualquer sentido. Isso não é ciência ,,que se constrói por tentativa e erro até chegar a acertos provisórios que torcemos que durem. Isso  é uma outra área do conhecimento, chamada  "conhecimento revelado". Ou seja , é exatamente porque uma pessoa tem ( ou acredita ter) acesso pessoal a certas descobertas, seja por contato privilegiado (Moisés e a sarça ardente) ou alegadamente por possuir uma consciência superior (yogues que alegam ter atingido samadhis, despertado kundalini, etc)   que ela se propõe a explicar "como-as-coisas-são" para os demais.

NÓS é que temos que considerar o que elas trazem, Budha, Jesus,,Samael, etc.. como meras crenças ou opiniões, porque não tem como saber se não estavam iludidos ou querendo nos iludir. E partindo desse ceticismo inicial, testar o que ensinam, lembrando também que pode não funcionar pela nossa inépcia, como acontece aqui com as técnicas de projeção astral, não porque aquele conhecimento esteja errado.

Quanto a isto " têm muita coisa que o Samael acredita que é de um jeito tal e ponto, mas outras pessoas fazem a mesma de um jeito completamente diferente e funciona,"     desconheço. Nunca vi nada que ele ensinasse que  limitasse como um único  jeito de fazer algo que outros estivessem fazendo.Se tiver algum exemplo para ilustrar.

.....

Pessoas que só querem malhar alguém as vezes se perdem com as explicações longas de quem parece discordar delas,  então vou resumir o que eu falei:

- Não estou negando que o Samael pareça arrogante, eu também acho que essa é exatamente a impressão que ele passa, e isso se infiltra em muitos instrutores gnósticos.  O que estou dizendo é que não tem como esperar algo diferente desse tipo de personagem exceto se ele for um cara fingindo poses de humildade para não ser criticado. Portanto, acusar esse tipo de cara de arrogante só porque ele alega que sabe mais que todos os outros é como "acusar" um peixe de ter nadadeiras.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

As vezes a forma como a pessoa se expressa acaba transmitindo uma certa arrogância!

Eu posso afirmar que é impossível ter uma projeção astral "comendo carne", alguns vão me achar arrogante, já os que sabem a verdade vão me chamar de ignorante.

Share this post


Link to post
Share on other sites

olá pessoal, sou novo no forum, na minha opinião é que somos doutrinados a religiões fanáticas e dogmáticas ai muitos não aceita quando é apontados erros sobre sua crença. vou falar por min eu era católico sempre que alguem feria minha crença eu tentava defender cegamente mesmo as vezes estando errado. então as vezes pode nem existe arrogancia, a nossa mente interpreta o sujeito como arrogante por pura resistência mental de nossas crenças.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.