• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Romeu Stub

A verdade sobre a fundação do IIPC

Recommended Posts

Guest Anonymous

Ha,olha que coisa,lendo o tópico eu fikei curioso pra saber quem era esse tal de Wagner Alegretti.

Olhando umas imagens no google eu reconheci o cara de um documentario da Discovery e de um programa que vi no You Tube com ele.

Na época eu não sabia que o cara o sucessor do Waldo,mas lembro de pensar" Nossa,como esse cara se acha".

O mesmo eu penso do Lazaro Freire,apesar de ser um cara bem bacana,fica meio claro um fundo de "sou o maximo",nos textos dele.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fui ao CEAEC há 1 mês e pelo jeito que anda lá, não acho que o W. Alegretti será o substituto dele não. Tem muita gente fera lá, e outra, o Alegretti cuida da IAC World junto da Nanci, ficam mais tempo viajando e dando curso do que lá onde o Waldo fica.

Abraços.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Ego temporário ? uauhauhuhahua desculpe. O ego do Waldo já era assim provavelmente antes de você nascer. Quem sabe antes que seus pais nascessem. Agora se revela também a história de manipulação desonrosa de seu seguidor Wagner Alegretti provável próximo "papa".

A temática de agressão a outras linhagens espirituais deverá aumentar no próximo reinado a julgar pelo estilo traiçoeiro do seguinte.

O fato de o Waldo ser autoritário é o de menos.

Quantas pessoas já não foram humilhadas em palestras desse sujeito ?

"Você não tem maturidade nenhuma, está no ínicio do príncipio do começo, sub-cerebro abdominal, fetal, tem que voltar pro primário” e da risadas para humilhar a pessoa diante de seus asséclas que riem junto com maldade nos olhos.

Dizem as "más" línguas que uma vez o cara pegou um professor pelo pescoço na frente da turma só porque ele mudou um pouquinho da temática.

Isto tem sido feito até nas famosas "tertúlias" via internet, quando alguém discorda minimamente do "guru-pater". Geralmente ele interrompe a fala das pessoas pois o seu microfone é regulado com volume bem mais alto.

Recitou pérolas como estas, galera vamos rir, Waldo Vieira facts !

Jesus era o mais boboca de todos;

Jesus Cristo era teomegalomaníaco;

Isso é tudo guia cego amaurótico !! ;

Umbanda é uma bobajada;

Pessoa que sai do corpo e acha que viu J. Cristo e a santa girafa é besteira! ;

De 10 mulheres que vinham atrás de mim, 1 era a minha namorada,que eu tinha alguma coisa a ver. As outras 9 eram problema, que iam ir pra cama comigo, eram capazes de ficarem enxertadas e depois querer fazer chantagem comigo e casar que eu era um bom partido, ia ser um problemão. (tertúlia 969)

Espiritas são doentes emocionalóides;

O Espiritismo tem 40% de coisas boas. O restante é bobagem;

As pessoas falam em não julgar para não ser julgado. Está errado, é exatamente o contrário. O certo é julgar para ser julgado;

A mulher precisa mais de sexo que o homem;

Mulher só sai do corpo para procurar sexo;

Humildade é doença;

Os espíritas eram os piores porque não tinham saída. Humilde faccioso, populista. Coisa do Chico, tinha que devender a humildade o ano inteiro, o tempo todo, para ele parecer um santo (dito na tertúlia 777, 12 de fevereiro de 2008);

A banana technique é uma coisa jocosa, de humor. (sobre a técnica da banana ou seja mandar uma banana para quem não aceita as idéias da conscienciologia);

Homossexuais são patológicos, fazem culto ao ânus (e já curou vários);

Mulher e homossexual exageram na força presencial em geral. Igual ao Clo também fez. Excessões são excessões, toda regra quase sempre tem.(tertúlia 969. Antagonismo Extremo Quinta 25/09/2008)

Orgulho da humildade e da suplicidade, do Chico Xavier. Orgulho do camarada que trabalha para a própria santificação. Como o papa e o Ghandi. Uma que fazia isso, mas que não tinha cabeça pra isso, era a Madre Teresa de Calcutá, salvacionismo...

Pior quando chega e fala “meus irmaãaaaooss...” dá vontade de vomitar na cara do cara. “Meus irmaaaaaaãoooosss vamos ao estudo hoje, da caridade...” (dito na tertúlia 777, 12 de fevereiro de 2008);

O presidente Lula é um analfabeto (durante as eleições apoiou o Serra);

Experimento em laboratório de monge sem comer, é tudo ruminação mental;

Descubra alguma coisa podre na vida dela e ameace dizer para todo mundo. Ela vai ficar com medo de você e nunca mais a incomodará"

(aconselhando uma participante que perguntou sobre como agir em relação a uma vizinha que tinha o hábito de fazer comentários depreciativos sobre a vida alheia);

Chico Xavier era Gay;

Sexo tem que ser feito todo dia para fazer assistência espiritual(depois de se separar de sua mulher que se suicidou, talvez devido a traições, e casar com uma de 18 anos) ;

O grau de serenismo de Jesus era de cerca de 63%; (UAU!)

Incenso é muleta é pré-maternal, é fetal;

Parir gente é coisa que qualquer um pode fazer. Se você juntar um debilóide e uma debilóide, após nove meses nascerá um debiloidezinho. As consciências mais avançadas não estão aqui para gestar pessoas;

Eu só me casei porque precisava ter um filho, era parte de minha moratória existencial. Caso contrário, não teria me casado;

Centenas de outras pérolas: Ver "700 experimentos de conscienciologia". (o famoso livro branco)

___

Peixe morre pela boca. Todas essas frases foram ditas por ele e estão gravadas e circulando livremente pela rede.

Espiritualmente acho que o sujeito se perdeu ou nasceu perdido e agora só corrompe os outros com essa linha de pensamento.

vlw cara

você tem razão, autoridade é de menos nisso, o fato de humilhar as pessoas, "putz", é horrivel.

Mas todos nós erramos, acho bom você mostrar aqui essas falhas do Waldo, que sirva de alerta para todos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O Seguidores do Waldo (waldistas) são como os seguidores do movimento protestante, mesmo que mostrem provas que eles estão enganados a respeito, eles preferem viver no mundo de ilusões do que aceitarem a verdade.

Share this post


Link to post
Share on other sites
O Seguidores do Waldo (waldistas) são como os seguidores do movimento protestante, mesmo que mostrem provas que eles estão enganados a respeito, eles preferem viver no mundo de ilusões do que aceitarem a verdade.

Idem aos Saulistas...

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest Anonymous

Eu não gosto de modo como o Waldo comduz as coisas,mas uma coisa tenho de dizer:

A partir do momento que a coisa ficou pessoal,virou coisa de Fetal,Sub-Cérebro Abdominal...

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Não acrediteis em coisa alguma apenas por ouvir dizer. Não acrediteis na fé das tradições só porque foram transmitidas por longas gerações. Não acrediteis em coisa alguma só porque é dita e repetida por muitos. Não acrediteis em coisa alguma pelo fato de vos mostrarem o testemunho escrito de algum sábio antigo. Não acrediteis em coisa alguma só porque as probabilidades a favorecem ou porque um longo hábito vos leva a tê-la como verdadeira. Não acrediteis no que imaginastes, pensando que um ser superior a revelou. Não acrediteis em coisa alguma com base na autoridade de mestres e sacerdotes. Aquilo, porém que se enquadrar na vossa razão, e depois de minucioso estudo for confirmado pela vossa própria experiência, conduzindo ao vosso próprio bem e ao de todas as outras coisas vivas, a isso aceitai como Verdade. E daí pautai a vossa conduta"

Share this post


Link to post
Share on other sites

Müller,

Esse ensinamento de buda é de certa forma difícil de ser posto em prática por alguém que está iniciando. Coisas básicas como técnicas para sair do corpo, trabalho com energia, etc.. são válidos.. Agora, em temas mais complexos, fica difícil para iniciantes como nós experimentarmos ou simplesmente desacreditar. A reencarnação é um bom exemplo. Eu ainda não comprovei que ela existe, não tive experiências retrocognitivas marcantes, tive algumas, mas ainda nada conclusivo. As experiências de corpo mental são outro exemplo, eu nem saio de psicossoma direito, como vou atestar a veracidade das experiências mentais?

São temas complexos que, talvez, invalidem esse princípio pois sem dúvidas para algumas coisas esse princípio é fantástico mas para outras, ainda além da nossa compreensão ficamos apenas por "incorporar" o ensinamento sem questionar. Uma possível solução seria fazer uma lista dos temas que você ainda precisa comprovar a veracidade, mas quem faz isso?

E é aí que entra o que o Jeff e o Darius disseram, existem os Waldistas, Saulistas e outros. São formadores de opiniões sem dúvidas. Do mesmo modo que quando fui ao CEAEC vi cerca de 10 pessoas usando um modelo de chapéu bem parecido com o do Waldo, acredito que muitos passaram a tomar mais coca cola ou serem simplistas ao incorporar o lema do IVA "Espiritualidade com simplicidade". Como também os que "seguem" o que o Wagner Borges ensina tornar-se-ão mais místicos, e por ai vai..

Isso de forma alguma é uma crítica negativa, as pessoas seguem o que elas acham correto. Só que no âmbito espiritual, quanto mais a pessoa adquiri conhecimento mais ela vai tomando sua própria linha de pesquisa. Prova disso é que Tanto o W. Borges quanto o Saulo, foram alunos do Waldo e ambos tomaram linhas diferentes. Assim com o Vasco Vasconcellos, um dos fundadores da projeciologia e conscienciologia.

Talvez a crítica seja para as pessoas que por mais que estudem sempre ficarão engessadas a um ou outro grande pesquisador ao invés de tomarem seu caminho.

O que eu gosto de dizer e se eu disser isso dentro do iipc serei linchado é que até hoje nenhum serenão foi "formado" pela conscienciologia. A evolução independe de pesquisadores de renome ou religião, ela está atrelada à cada um de uma maneira bem particular e que cada um vai alcançar um dia. Com pressa ou sem pressa.

Abraços

Share this post


Link to post
Share on other sites

Infelizmente, eu acho que o Waldo presta um grande desserviço com esse tipo de atitudes. Promove a homofobia, o machismo e o preconceito religioso.

Realmente, pelo que tenho notado, os seguidores de Waldo Vieira parecem ser totalmente refratários a qualquer tipo de observação ou crítica a ele. Eu compreendo isso, mas acho que ele tem que ser defendido no que ele já fez de bom, especialmente em seus primeiros trabalhos. Posturas arrogantes e preconceituosas não merecem defesa. E não acho que qualquer coisas seja justificada pelo argumento da liberdade de expressão. Lembremos que esse direito não é irrestrito.

Sobre Jesus, eu partilho da visão espírita: trata-se do espírito mais evoluído que já pisou sobre a Terra, um espírito que desde a criação de nosso planeta, já tinha atingido o estágio máximo da evolução.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha

Eu já fiz alguns cursos no antigo IIPC, nos anos 90, aqui em Curitiba.

Depois, já no ano de 2005, voltei novamente e vi uma mudança radical,

nas instruções do novos instrutores, havia uma arrogância impressionante,

eu no cursos estava sempre questionando seus dogmas Waldistas rsrs.

No final do curso, eu não aguentei, e falei em alto e bom som, que o movimento

do Waldo Vieira tinha se transformado numa seita radical, e que ninguém

tinha coragem de contestar nada do seu messias barbudo e que seus

seguidores se comportavam como vacas de presépio rsrrs

Acho que exagerei, mas foi bom, pois muitos alunos ali presentes

concordaram comigo, e a instrutora e outro membro ali presente

ficaram surpresos e sem resposta, eles não esperavam que algum

aluno fosse reagir daquela forma petulante rsrsrrs, um mês de curso

e todas as linhas de espirituais para eles eram infantis guiados por

guias cegos, tenha paciência!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

oi pessoal, eu nao conheço muito o Waldo Vieira mas acho que seria legal agente deixar de julgar os outros como se fôssemos impecáveis e super evoluídos... todos tem seus motivos, suas razões e suas convicções, Waldo é só um ser humano...

vamos praticar um pouco a compreensão e amor ao próximo? quem sabe agente ganha o mesmo tratamento quando precisarmos né?

bjaum

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vamos então entender o que aconteceu:

O trabalho de Waldo Vieira terminou com a publicação da obra Projeciologia.

Nesta o autor publicou todas as suas idéias inovadoras e fez uma COMPILAÇÃO sobre tudo o que existia nos termos da projeção astral.

A primeira edição era boa, sem termos incomprensíveis e neologismos. Mesmo que o assunto já tivesse sido tratado por Monroe o livro foi inovador.

Waldo inaugurou o antigo IPC e dava cursos. Na época era mais humilde e discutia de forma mais humana com seus alunos. Muitos paranormais de alto gabarito da época partilhavam do trabalho do Vieira, pode-se citar Wagner Borges, Lazaro Freire, Vasco Vasconcelos...

Nos anos 80 aconteceu algo que parece ter mudado Vieira. Sua mulher que lhe dava um caráter mais humano se suicidou saltando pela janela do prédio em copacabana.

Na verdade ela estava cansada das traições que o professor de 60 anos fazia com uma aluna de 18 anos com a qual ele acabou casando depois, talvez por sentimento de culpa.

Disseram alguns mais exaltados que ela até flagrou os dois transando no apartamento...

A partir dessa época e o projeto dos inversores Waldo mudou. Se tornou ditatorial e zombava e desmoralizava todos que não concordassem com ele.

Até hoje isso pode ser visto. Basta um iniciante lhe mandar uma pergunta que ele não goste nas famigeradas tertúlias que ele descasca a pessoa sem piedade. “Você não tem maturidade nenhuma, está no ínicio do príncipio do começo, sub-cerebro abdominal, fetal, tem que voltar pro primário” e dá risadas debochando da pessoa sem dó nem piedade junto com os que são aduladores.

Há relatos de que ele pegou pelo pescoço, estrangulando e desmoralizando na frente de outros alunos, um professor que deu uma aula de forma um pouco diferente do que ele exige ser.

Qualquer espiritualista maduro sabe que isto não é postura de quem tenha nível de elevação espiritual, talvez não seja nem a postura de uma pessoa comum, mas de um chulo e covarde. Muitos dos antigos projetores e paranormais se separaram do movimento do hoje IIPC por não concordarem com este caráter agressivo e ditador.

Waldo continuou inventando teorias, mas agora baseadas totalmente na sua visão pessoal de mundo.

O livro 700 experimentos é um festival de hipocrisia e preconceito.

Lá Waldo diz que Jesus era o mais boboca de todos;

que os espiritas tem que voltar pro maternal;

que homossexuais são doentes e tem que ser curados, que já fez isso...

Devemos fazer sexo todos os dias e relatar isto como experimento a ser analisado pelos professores (técnica do sexo diário)

Incenso é muleta, coisa de maluco...

Enfim se for dizer tudo falta espaço.

Enfim, é a visão de vida preconceituosa do autor sendo tornada “ciência”. Waldo não tinha mais nada a dizer e esqueceu o coração devido aos traumas da vida e tentou se afogar em um mar de lógica e filosofia com o qual não está capacitado para trabalhar.

É uma história triste de desvio psicológico.

O fato de ele ter parapsiquismo desenvolvido não ajuda mas só lhe afunda mais e mais no contato com seres que vibram na sua faixa.

A Conscienciologia criada posteriormente, após a radicalização do Waldo, não passa da visão pessoal de um homem criado no interior de Minas, nos anos 40, tentando se passar por ciência. Mas nada há de científico lá, faltam os métodos de controle científicos e quando se pede para testar as teorias os pesquisadores do CEAEC dizem que já foram vailidadas nos sistemas de testes DELES.

O fato é que a conscienciologia está cheia de rapazes curiosos, mas sem nenhum desenvolvimento parapsiquico e muitos deles sem bondade no coração, atraídos pela energia avassaladora e agressiva de Waldo Vieira.

É fato que 90% dos colaboradores do CEAEC não tem mais que 5 anos de casa, acabam saíndo após serem humiliados, isso é normal. Há várias pessoas, até mesmo o Luciano e o Saulo, que podem validar cada um de meus argumentos.

Olho aberto garotada que é tão perigoso como tentador.

Abraços e discernimento.

Share this post


Link to post
Share on other sites
oi pessoal, eu nao conheço muito o Waldo Vieira mas acho que seria legal agente deixar de julgar os outros como se fôssemos impecáveis e super evoluídos... todos tem seus motivos, suas razões e suas convicções, Waldo é só um ser humano...

vamos praticar um pouco a compreensão e amor ao próximo? quem sabe agente ganha o mesmo tratamento quando precisarmos né?

bjaum

Difícil praticar "amor ao próximo", Catharina, quando o tal próximo é uma pessoa faz justamente o oposto disso: promove o preconceito a discriminação.

Bem difícil.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Concordo com a Catharina.

O Dr. Alisson está cometendo os mesmo erros do Waldo e ainda critica... Tem gente que não sabe filtrar o que há de bom numa pessoa e se diz universalista, é uma pena

Tudo tem algo a ser aproveitado, foi graças a um livro e dicas dele por exemplo que obtive a primeira projeção

Foi a partir do 700 experimentos que ele começou a partir p um caminho mais restrito, cheio de opiniões pessoais e polemicas, o que não quer dizer que as obras anteriores não eram dignas de admiração

Inclusive o Projeciologia é usado como referencia pelo Saulo, Wagner, etc

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sinistro hein?! Bom, eu preciso estudar a visao de cada autor, separar aquilo que concordar e me reforçar de mais conhecimento para que eu possa criar a minha própria visão.

Eu to pensando em comprar aquela biblia projeciológica do Waldo, alguem ai ja comprou? e o que achou?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu tenho motivos de sobra para não gostar do Waldo Vieira. Sou homossexual e não admito idiotas homofóbicos falando asneiras preconceituosas. Sempre responderei esse tipo de gente. Se ele quer ter o direito de dar declarações agressivas, preconceituosas e discriminatórias, nós, que somos diretamente atingidos, não podemos reagir?

Repito: Waldo Vieira fez, sim, coisas boas. Pois que seus seguidores fiéis ressaltem isso. Mas não faz o menor sentido ficarem agredindo pessoas em fóruns de discussão para defenderem o cara no que ele tem de mais podre.

Ficar se utilizando de sarcasmo, chamando participantes do tópico de "doutor", aliás, é de uma pobreza argumentativa lamentável.

Share this post


Link to post
Share on other sites

AlissonFreitas,

Sendo sincero, homossexualidade e heterossexualidade são coisas impessoais e intransferíveis. Portanto, não cabe discussão à respeito. Cada um tem sua opinião, assim como tem sua crença, seu time e seus gostos. A opção sexual é apenas mais uma opção que a pessoa toma na vida. Alguns, equivocadamente, acreditam essa ser a mais importante pois até matam dependendo da resposta que receberem.

A grande questão é: Vale a pena "não adimitir idiotas homofóbicos falando asneiras preconceituosas"? Se você não adimite, precisa tomar uma atitude, qual será? Vai matar os homofóbicos? Vai fazer um protesto? Um blog? Vai ficar ofendido? O que vai fazer? Responder a altura não é algo que adiante muito...

Quantos você conseguiu converter pro seu time de futebol?

Quantos você converteu para a sua religião?

Quantas pessoas agora gostam das coisas que você gosta porque você quer?

Quantos deixaram de ser homofóbicos porque você "respondeu a altura"?

Adianta mesmo?

Seria um paradoxo alguém que prega o universalismo ser homofóbico, não seria?

Fique tranquilo, deixem falar, absorva aquilo que lhe for útil e dispense o que não for. Simples assim.

Eu por mais que tenha a conscienciologia (hoje) como linha principal de pesquisa, sou muito crítico à respeito. Existem diversas coisas que eu não concordo e que não levo pra minha vida, mas tem outras diversas coisas que acredito serem úteis. Talvez a minha principal crítica é que não temos como descobrir o que é inerente à conscienciologia (ciência) e o que o Waldo colocou deliberadamente como visão pessoal. Eu bato de frente com isso. Mas isso não é assunto para agora.

Pensa bem, Alisson, quando você diz que tem motivos de sobra para não gostar do Waldo isso não cria um preconceito seu com ele e todo o trabalho dele? Pergunto isso pois quando você não gosta de alguém, tem repulsa a tudo o que diz respeito a pessoa. Ou seja, se você não gosta do Waldo vai ter problemas para absorver o conhecimento de qualquer livro de conscienciologia, projeciologia e parapsiquismo de autoria dele ou de outros escritores vinculados à ele.

Abração Alisson.

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlissonFreitas,

Sendo sincero, homossexualidade e heterossexualidade são coisas impessoais e intransferíveis. Portanto, não cabe discussão à respeito. Cada um tem sua opinião, assim como tem sua crença, seu time e seus gostos. A opção sexual é apenas mais uma opção que a pessoa toma na vida. Alguns, equivocadamente, acreditam essa ser a mais importante pois até matam dependendo da resposta que receberem.

Na verdade, orientação sexual não é uma opção, ou escolha. Eu, certamente não optei ser gay, assim como tenho certeza que os heterossexuais também não optam por sê-lo. Nós simplesmente somos o que somos, não há como escolher algo assim. E sobre "matar", pessoas radicais matam por qualquer motivo: por time de futebol, por política, por religião, por briga de trânsito, por ciúmes, etc.

Mas acho que cabe discussão a respeito, sim, na medida em que meus direitos como cidadão são menosprezados apenas devido à minha orientação sexual.

A grande questão é: Vale a pena "não adimitir idiotas homofóbicos falando asneiras preconceituosas"? Se você não adimite, precisa tomar uma atitude, qual será? Vai matar os homofóbicos? Vai fazer um protesto? Um blog? Vai ficar ofendido? O que vai fazer? Responder a altura não é algo que adiante muito...

Quantos você conseguiu converter pro seu time de futebol?

Quantos você converteu para a sua religião?

Quantas pessoas agora gostam das coisas que você gosta porque você quer?

Quantos deixaram de ser homofóbicos porque você "respondeu a altura"?

Adianta mesmo?

A atitude que tomo é me colocar perante a questão. É não baixar a cabeça e simplesmente aceitar ser tratado como um cidadão de segunda classe. A minha atitude, isoladamente, pode não fazer efeito, mas à medida que os grupos de pessoas discriminadas se unem para exigir respeito, mudanças acontecem. Foi assim com o movimento negro, com o movimento feminista, entre outros. Tenho que fazer a minha parte.

Seria um paradoxo alguém que prega o universalismo ser homofóbico, não seria?

Fique tranquilo, deixem falar, absorva aquilo que lhe for útil e dispense o que não for. Simples assim.

A questão não apenas “absorver” ou “deixar de absorver” ideias. Lembre-se que por trás dessas ideias existem ações. O preconceito e a perseguição contra homossexuais no Brasil é um fato inegável. Se todos os homossexuais optassem simplesmente por “não absorver” as ideias preconceituosas e não fizessem nada a respeito, não haveria avanços.

Pensa bem, Alisson, quando você diz que tem motivos de sobra para não gostar do Waldo isso não cria um preconceito seu com ele e todo o trabalho dele? Pergunto isso pois quando você não gosta de alguém, tem repulsa a tudo o que diz respeito a pessoa. Ou seja, se você não gosta do Waldo vai ter problemas para absorver o conhecimento de qualquer livro de conscienciologia, projeciologia e parapsiquismo de autoria dele ou de outros escritores vinculados à ele.

Abração Alisson.

Sim, obviamente que os pensamentos preconceituosos, machistas e homofóbicos prejudicam MUITO sua credibilidade comigo. Não há como respeitar alguém que possua esse tipo de ideias. Como vou ler algo de uma pessoa que diz isso sobre MIM: “Homossexuais são patológicos. Fazem culto ao ânus.”? Isso não é preconceito, isso é uma reação a uma pessoa que me ataca diretamente.

Felizmente, ler Waldo Vieira não é indispensável. É possível, sim, aprender muito com os vários outros autores e estudiosos brasileiros e também de outros países.

No entanto, mesmo assim, baixei o livro “Projeção da Consciência” e pretendo realmente lê-lo. Mas não sou Jesus, Olympio, não me peça para oferecer a outra face.

Uma coisa é você não concordar com algumas coisas que a pessoa diz, mas ler tudo e filtrar o que te interessa. Outra, bem diferente, é você ser atacado por alguém, através de declarações recheadas de preconceito e intolerância, e ainda assim ter cabeça para tentar acreditar que esse indivíduo merece sua atenção para outros fatos.

Abraço.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mudei radicalmente minha visão sobre o homossexualismo quando me aprofundei no mundo mistico, nunca gostei da homossexualidade mais já tive e ainda tenho muitos amigos homossexuais, e eles sabiam que eu não aprovava a homossexualidade mais isso não me impedia de gostar e ter amizade com um homossexual. É possível notar um paradoxo nessas afirmações, porém, fácil de ser explicado.

Todos temos todo o direito de não gostar de não aprovar e de não concordar com a homossexualidade, com o ato homossexual, porém, o que não devemos é discriminar o HOMOSSEXUAL!, temos todo o direito de não concordar com nada que ele faça, mais não temos o direito de o excluir do convívio social, isso sim é preconceito!

Como eu disse acima, mudei radicalmente minha visão sobre a homossexualidade depois que me aprofundei no misticismo.

Segundo várias ramificações espiritualistas, os homossexuais são classificados em três grupos:

O Primeiro Grupo – (O Menor Grupo) – São aqueles que por acidente durante o parto se tornaram o que são.

O Segundo Grupo – (Grupo Médio) – São aqueles que, porque após o nascimento têm fortes problemas emocionais e aderem a homossexualidade para resolver ou atenuar os problemas emocionais, e em alguns nunca o fazem.

O Terceiro Grupo – (O Maior Grupo) – São aqueles indivíduos que não poderia aprender tudo o que deve ser ensinado sem ser homossexual. Em outras palavras, eles escolheram vir a esta Terra nesta vida como um homossexual.

Para o registro também, a taxa de criminalidade entre homossexuais é muito, muito baixo. Eles são indivíduos muito tolerante, não propensos à violência física, e é extremamente raro ouvir de estupros no mundo homossexual, e finalmente, eles são pessoas muito limpas e amigáveis. Um outro fato interessante: Alguns dos mais belos do mundo têm sido os homossexuais, verifique seus livros de história e veja por si mesmo.

É fato que a sociedade atual vem incentivando o ato homossexual, só não ver que não quer, mais isso ja é outro assunto e não quer dizer nada.

Bom, meus dedos já estão doendo de tanto que eu escrevi rsrsrs.

Abraço!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mudei radicalmente minha visão sobre o homossexualismo quando me aprofundei no mundo mistico, nunca gostei da homossexualidade mais já tive e ainda tenho muitos amigos homossexuais, e eles sabiam que eu não aprovava a homossexualidade mais isso não me impedia de gostar e ter amizade com um homossexual. É possível notar um paradoxo nessas afirmações, porém, fácil de ser explicado.

Que bom que você encontrou pessoas compreensivas o suficiente para conviver com isso. Eu jamais teria um “amigo” que dissesse que “não concorda” com a homossexualidade. Afinal, homossexualidade não é um posicionamento, não é uma ideologia. Homossexualidade é uma característica indissociável da pessoa, assim como é a heterossexualidade. Dizer que não concorda com a homossexualidade é a mesma coisa que dizer que não concorda que alguém seja brasileiro ou que seja de origem oriental, por exemplo.

Todos temos todo o direito de não gostar de não aprovar e de não concordar com a homossexualidade, com o ato homossexual, porém, o que não devemos é discriminar o HOMOSSEXUAL!, temos todo o direito de não concordar com nada que ele faça, mais não temos o direito de o excluir do convívio social, isso sim é preconceito!

Não, isso é discriminação. A discriminação é um resultado do preconceito. Uma pessoa pode até não discriminar homossexuais, mas se diz que “não aprova” ou que “não concorda” isso é, sim, uma visão preconceituosa, pois está traçando um julgamento de uma pessoa a partir de uma característica sua indissociável.

Como eu disse acima, mudei radicalmente minha visão sobre a homossexualidade depois que me aprofundei no misticismo.

Segundo várias ramificações espiritualistas, os homossexuais são classificados em três grupos:

O Primeiro Grupo – (O Menor Grupo) – São aqueles que por acidente durante o parto se tornaram o que são.

O Segundo Grupo – (Grupo Médio) – São aqueles que, porque após o nascimento têm fortes problemas emocionais e aderem a homossexualidade para resolver ou atenuar os problemas emocionais, e em alguns nunca o fazem.

O Terceiro Grupo – (O Maior Grupo) – São aqueles indivíduos que não poderia aprender tudo o que deve ser ensinado sem ser homossexual. Em outras palavras, eles escolheram vir a esta Terra nesta vida como um homossexual.

Que espiritualistas são esses, que criaram esses grupos? Esses grupos 1 e 2 são uma piada. Ambos tratam a homossexualidade com um distúrbio resultante de um problema. Novamente colocando um peso negativo sobre o tema. Lamentável.

Para o registro também, a taxa de criminalidade entre homossexuais é muito, muito baixo. Eles são indivíduos muito tolerante, não propensos à violência física, e é extremamente raro ouvir de estupros no mundo homossexual, e finalmente, eles são pessoas muito limpas e amigáveis. Um outro fato interessante: Alguns dos mais belos do mundo têm sido os homossexuais, verifique seus livros de história e veja por si mesmo.

Nada a ver. Homossexuais não são nem “mais” nem “menos” que os heterossexuais em nenhum aspecto. Somos pessoas, tão cheios de qualidades e defeitos quanto qualquer outra pessoa.

É fato que a sociedade atual vem incentivando o ato homossexual, só não ver que não quer, mais isso ja é outro assunto e não quer dizer nada.

Hmmm... então, ir parando de agredir e começar a mostrar a realidade na TV é incentivar? Pra não incentivar, tem que continuar a ser como era? Mostrando gays apenas como figuras caricatas e proibindo, terminantemente, que pessoas homossexuais se “expusessem” na TV? Ou seja, “não mostre os gays, esconda-os! Não incentive a homossexualidade!”

Ah, por favor... não se incentiva a homossexualidade, simplesmente porque não há como incentivar alguém a mudar algo que já é.

E eu, quando ligo a TV, vejo MUUUUUITO mais incentivo à heterossexualidade do que à homossexualidade. A mesma TV Globo que, aliás, se recusa a mostrar um beijo entre duas pessoas do mesmo sexo, dia desses estava mostrando o Herson Capri beijando a bunda da Debora Secco. Um puta incentivo à heterossexualidade!!!! Vai protestar, também?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Amigo quem está tendo um ato arrogância aqui é você, como eu disse, eu não TINHA nada contra nenhum homossexual, e sim com o homossexualismo, porém minha visão mudou completamente depois que passei estudar mais afundo a espiritualidade.

Que espiritualistas são esses, que criaram esses grupos? Esses grupos 1 e 2 são uma piada. Ambos tratam a homossexualidade com um distúrbio resultante de um problema. Novamente colocando um peso negativo sobre o tema. Lamentável.

Errado! É provado e comprovado que boa parte dos homossexuais sofreram algum tipo de violência sexual na infancia!

O terceiro Grupo é mais sensato favor rever:

O Terceiro Grupo – (O Maior Grupo) – São aqueles indivíduos que não poderia aprender tudo o que deve ser ensinado sem ser homossexual. Em outras palavras, eles escolheram vir a esta Terra nesta vida como um homossexual.

Favor ler Lobsang Rampa

Share this post


Link to post
Share on other sites

Provado e comprovado onde? Cadê? Se você leu isso em algum lugar, certamente foi em alguma fonte religiosa. Cientistas sérios nunca fizeram tal afirmação.

A comunidade científica não tem conclusão alguma acerca das origens da homossexualidade. Nenhuma. Não tem nada "provado" e muito menos "comprovado". Existem, sim, teorias. E essa teoria da violência sexual não é levada a sério por ninguém que realmente conheça um pouquinho do assunto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alisson, eu concordo com o Olympio, inclusive estou na mesma situação dele pois a conscienciologia é minha principal linha de pesquisa, mas não carrego comigo o que não concordo.

Será que ao invés de simplesmente assumir sua condição de homossexual, que para mim não muda nada no ser humano, vc nao está fazendo questao de promover a situaçao como fazem nas paradas gays?

Tenho amigos homossexuais inteligentissimos que nunca concordaram com essa posição, e nem se incomodam com os ditos "homofóbicos", pois não precisam de holofotes.

Eu concordo com vc que homossexualidade não se escolhe durante a vida física, pois conheço casos e os respeito, mas independente da situação, tem a necessidade de autoafirmação, a ponto de ficar tao dolorido com quem supostamente nao o compreende? vc já se perguntou pq isso acontece, a razao espiritual, visto que a natureza promove a reprodução e a vida através de aparelhos sexuais opostos?

Independente do Chico por ex. ter sido ou não homossexual para mim não muda nada no valor dele, será que voce não está se preocupando demais com isso?

Há realmente a necessidade de devolver o preconceito que vc está sentindo ou não seria melhor dar seu exemplo de vida e ao mesmo tempo aprender com o que os outros tem de melhor?

Pode ter certeza que eu, vc, o Waldo, o Saulo, ou quem quer que seja não somos perfeitos, e por isso vc acha que não temos muito a aprender uns com os outros em nossas virtudes?

Pense bem, pois a maneira que vc encara as coisas é que define o seu destino e a sua evolução.

Um abraço e bom final de semana(sem ofensas)

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.