• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Carluz Sol Silva

Nos braços da mãe divina

Recommended Posts

Olá, gente.

Eu acho que o Iogananda tá me intuindo para divulgar o livro dele. Mesmo que não seja ele, trata-se de um excelente livro o "A autobiografia de um Iogue". Leiam,leiam, leiam....

Ontem, ao deitar, depois das últimas páginas e últimas lágrimas de gratidão por ter encontrado/reencontrado os caminhos da devoção, pedi ao Arquiteto Criador que me possibilitasse pela primeira vez um "SAMADHI". (Quanta pretensão!) Buscar um estado de vibração desse nível fora do corpo. Mas, pedir não ofende ninguém. Passei as vibrações do dia pela cabeça. Orei por todo mundo, principalmente pelos que me rejeitam ou não me compreendem, me deixando no rol dos maluqinhos. Como é bom saber que temos muito a crescer e melhorar... Chapei...Fui ganhando consciência em uma espécie de auditório cheio de hindus de diversas castas/tribos. Estava com uma roupa branca e uma espécie de lençol branco que me envolvia todo o corpo astral. Senti a vibração poderosa de um ser que se destacava em meio a tantos outros seguidores. De repente, fitei seu olhar na multidão. Uma senhora indiana de uma áurea e um olhar tão sereno...Uma espécie de avatar para aqueles seguidores. Fiquei em dúvida se poderia me aproximar, mas me arrisquei quebrar qualquer protocolo e fui em sua direção. Mãe!!!. Ao me aproximar dela, fui contagiado com uma doce e maravilhosa sensação de alegria. Uma onda magnética vinha em minha direção partindo dela, senti que ía ficando qual uma criança que reencontra a mãe depois de muito tempo. Não dava mais para querer sair de perto dela. Imaginem o que é a áurea de milhares de bebesinhos juntos. Deve dar uma idéia. E como uma criança que agora não só queria ficar perto da mãe, mas também queria sua atenção, pensei em falar qualquer coisa, mas era difícil pensar em algo. Eu já estava em extâse, delirando de alegria íntima. Eu estava com o meu barquinho do lado de um transatlântico. O que dizer?..Mãe, eu tô com fome...(era o meu segundo dia de jejum)no físico.

Ela se aproximou, me abraçou e me disse algo que não lembro, tal o êxtase. Depois se afastou, mas se virou ainda para deixar na minha mente a imagem daquele ser único no universo...Caraca, era muito amor pro meu pequeno e frágil coraçãozinho. Acordei com a sensação de calor na região do o chakra umbilical, pulsando energia pelo cardíaco quase como um chafariz. Me senti completamente refeito. Cheio de energia para amar e tentar seguir o conselho dos Iogues: Viver com simplicidade e elevação do pensamento.

AiAi (isso foi um suspiro)

Abs.

Carluz,

__/\__

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que história maravilhosa, irmão!

E que coincidência, acabo de comprar este livro!!

Quando dissestes que estás jejuando eu pensei "puxa, ele vai fazer um exame de sangue"...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Oi Mifenix,

Não poderia deixar de postar. Espero que um dia todos nós vivamos em etenro êxtase...quem sabe?!

Prezado Johnper,

O livro é o melhor que já li. E olha que leio tudo. Ocultismo, espiritismo, projeciologia,enfim.

É engraçado que o que a gente luta para alcançar aqui no ocidente, os hindus já praticam a milênios....

Sobre o Jejum. Não é exame de sangue, nem anorexia.

Hoje é o meu quarto dia.

O jejum ajuda a purificar o corpo e a mente e não deve/pode ser feito sem conhecimento e auto-conhecimento.

Estou me adapatando à ao processo de consciência prânica (Se quiser saber mais, leia o Livro Viver de Luz e o livro Viajando na Luz do nosso Ioque Tupiniquim, o querido Oberom.

"Sem o alimento físico, viveria-se vinte e poucos dias...

sem a água, viveria-se oito ou dez dias....

sem o ar, alguns minutos...

sem a energia ninguém teria forma...

sem amor ninguém teria sido criado...

Quanto mais sutil,mais essencial e mais abundante se torna o alimento...

Abs,

Carluz.

__/\__

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nossa, senti uma vibração e uma sintonia muito forte com seu relato, me arrepiei toda, meus olhos encheram de lágrimas...

Eu já li algumas coisas sobre a consciência prânica, e realmente achei lindo! Tenho Oberom Om nos meus amigos do Facebook, ele é um ser iluminado.

Bem, minha maior conexão com seu relato foi do fato de achar que também vivi o mesmo que vc, eu sonhei com o mesmo cenário, uma reunião na natureza, cheio de pessoas que não conhecia... todos de branco, e lembro de ter reconhecido o Oberom, falei a mim mesma: lembra depois para contar pro Alex. É um amigo que compartilho essas experiencias...

Vc está no 4º dia de jejum? sente alguma coisa estranha? fraqueza? eu sou vegana, e acho que um dia irei tentar isso... parece ser incrível!

Obrigada pelo depoimento!

Abraços

Share this post


Link to post
Share on other sites

Oi, Catharina.

Postei algumas informações sobre o tema no canal privado.

Fiquei com receio de falar sobre o tema, pela complexidade e polêmica que o envolve.

Obrigado pelos comentários.

"O ego é a represa de um oceano de amor chamado Deus"

Abs,

Carluz

Share this post


Link to post
Share on other sites

Legal Carluz! Realmente, dá para sentir sintonizado só de ler! :) A simplicidade do momento, o encontro com uma pessoa tãoamorosa, nossa, deve fazer uma mudança interna muito boa!

Essa parte de filosofia e estudos espirituais no hinduísmo é muito rica, dia desses começei a ler o Bhagavad-Gita, mas nunca consigo ir adiante, acho que confundo universalismo com "relaxismo" rsrs, acabo começando estudos que não termino, por isso acho que minha limitação pede que me concentre em algo em especial, por isso vou recomeçar estudos nessa parte hindu. Também vou procurar o "Autobiografia de um Iogue", deve ser muito legal!

E parabéns de novo pela experiência! Grande abraço!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha seus relatos me emocionam viu,eu iniciei a leitura deste livro depois fui ler outros,estou meio sem foco,mais acho que é a ansiedade do aprendizado,linda experiencia nossa estar próxima a consciencias tão elevadas deve ser incrivel e parabéns pela lucidez!!!

Obs:andei meio sumida mais estou de volta,será que vc poderia me add em seu msn,pra trocarmos figurinhas,bjss paz e muita luz!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Oi, Pat.

Tô com saudades. Vc me deixou na estrada...rsrsrs.

Seja bem vinda de volta.

Tô usando o canal de msg privado, pois passo a maior parte do tempo no trabalho e lá o MSN não rola...

"...se um pinguinho de tinta cai num pedacinho azul do papel, num instante imagino uma linda gaivota voar no céu..."

Toquinho

Bj,

Carluz,

__/\__

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.