Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

sandrofabres

Administrators
  • Posts

    8,810
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1,492

sandrofabres last won the day on June 15

sandrofabres had the most liked content!

About sandrofabres

Recent Profile Visitors

33,038 profile views

sandrofabres's Achievements

Grand Master

Grand Master (14/14)

  • Well Followed Rare
  • Reacting Well Rare
  • Conversation Starter Rare
  • Dedicated Rare
  • Very Popular Rare

Recent Badges

5.5k

Reputation

  1. Por isso é difícil ter espiritualista progressista. A " influência parda" por trás de todo o espirtualismo positivo é o conservadorismo católico. Quem é mais progressista acaba caindo nas garras de "versoes pop" de satanismo porque não encontra no "caminho da mão direita" espaço para pensar fora dos dogmas.
  2. Pensa... não é latim mas... aqueles mentores do kardecismo sao tudo figuras da igreja católica. Até hoje! Kkkkkk. Tem lá o Moisés Esagui com aquela relação estranha com São Francisco de Assis, tem o Divaldo com a Joana de Angelis..... a "sombra" do catolicismo ainda permea tudo.
  3. Pelo que já vi... mas vi poucas vezes, essa mulherada cinza é assediador das zonas homossexuais do astral. Na zona hetero eles tem cores normais. Mas só vi isso umas poucas vezes, não sei se dá para generalizar. Parecem até os desenhos do Dirk Dzimirsky: https://markmcleod.org/wp_clevelandstateart/2013/10/09/dirk-dzimirsky/
  4. Isso tem muitas variáveis, inclusive seu histórico reencarnatório. Eu nunca tive religiao, embora sempre gostasse de ver filmes biblicos, e depois ia ler na bíblia o texto de onde saíram aqueles filmes. Mas igreja pada mim era só em casamento ou batizado, porque eu era obrigado, quando criança a ir nesses eventos com meus pais né? Sempre tive zero identificacao com religiao institucionalizada, ainda que a sensação/idéia do intercâmbio com o Divino que aparece nos textos e nos filmes sempre achei apaixonnte. Mesmo assim sou " perseguido" por situações ligadas ao catolicismo no astral, ja me apareceram obsessores padres de alto escalão da igreja católica, já fui parar no vaticano em algumas projeções sem estar buscando por isso, etc. Então eu diria que muito trabalho astral que tem por aí é limpando a sujeira que a católica fez e faz, pelo simples fato de ser uma instituição gigantesca, internacional. Mas acho que estou metido nesses rolos mesmo nesta vida eu nunca tendo tido afinidade com religiao porque em várias outras encarnações eu já estive envolvido com a igreja católica. Então essa afinidade não desaparece apenas porque a personalidade desta vida foi criada em outro contexto. Você tem que limpar o lixo que ajudou a criar mesmo tendo mudado de endereço no físico, eheeh. Daí que o cara mesmo sendo ocidental, vivendo e respirando dentro desse astral ocidental, se ele tem interesse em budismo, yoga, hinduísmo, isso pode ser reflexo de outras vidas também, e as experiências astrais dele serem ligadas a essas culturas. Não pelo mero interesse intelectual, mas por laços mais profundos estabelecidos em vidas passadas com essas culturas. Pena que não achei mais o vídeo que eu ia compartilhar aqui. Num vídeo do MBL ( sim, eu gasto meu tempo para me informar "como pensa o inimigo", kkk) o Ricardo Almeida comenta que ele sempre se interessou por espiritualidade e uma vez quis entrar num mosteiro budista. Chamaram la o monge chefe do negócio e ele ouviu o Ricardo e tal, e nao deixou que ele fizesse parte, porque, se não me falha a memória, o monge disse para ele que o caminho dele era outro. Alguns meses mais tarde ele descobriu o islamismo era aquilo com que tinha mais afinidade. Ou seja, privavelmente o monge budista percebeu os laços de outras vida do Ricardo com o Islamismo e que o seu retorno a esse caminho não demoraria. Isso é o que possibilita o cara continuar no mesmo caminho vida apos vida, seguindo de onde parou. É algo mais forte do que os interesses rasos de uma personalidade desmemoriada e um tanto perdida, que é o que nos define em cada vida, eheh.
  5. Imagina! Eheheh. É um verdadeiro Império Romano ainda muito ativo negativamente no astral. Aqui no físico que está minguando, pela competição com outras formas de dominação mais fundamentalistas, que usam um proselitismo mais agressivo e depois mantém as coleiras mais apertadas no pescoço dos seus escravos. Mas que isso não se confunda com crítica ao cristianismo. A questão é quando uma determinado grupo adquire prestígio social, ela atrairá uma minoria vocacionada e uma maioria oportunista, que formará uma egrégora desviada dos princípios fundadores. Então aqueles mais sintonizados com a raíz da coisa terão que " correr por fora", porque não vão querer se misturar com aquela egrégora corrompida. O Império Romano, na sua forma religiosa, tem 16 séculos de reforço de egrégora. Corre o risco da fase cientificista da humanidade acabar e ele ainda retomar as rédeas do pensamento ocidental, se não for devorado pelas formas fundamentalistas. Há toda uma guerra astral entre essas forças para saber quem vai ficar com a maior fatia d e escravos.
  6. Mas há uma recomendação de não estimular um único chackra por mais de 10min, sob o risco de gerar desequibrios. Então ou se faz 1h por dia, estimulando todos, para manter o equilibrio entre eles. Ou se for trabalbar só um, faça uma prática de apenas 10min.
  7. Após pesquisar o que diabos era "hentai" concordo com o raposo. Criações aritificiais se tornam seres artificiais no astral. E ao contrário de seres humanos, que possuem sua própria energia, uma criação artificial precisa sugar energia dos seres reais para continuar existindo. Então por definição esses seres são vampiros por natureza. Por estarem sendo recarregados por milhares de "fãs", são como os deuses das religioes pagãs, criaturas artificiais fabricadas a partir das necessidades do povo local, que após definirem sua aparência simbólica passavam a energizar a "bateria" daquela forma-pensamento com orações e oferendas, para que ela fosse capaz de realizar alguns feitos para eles. E claro, quanto maiores os feitos, mais energia precisariam dar para sua criação, e daí vem os sacrifícios de sangue, de animais, dos escravos, dos próprios filhos ( já que tinham de sobra) No caso desses hentai provavelmente é algo bem pior mesmo, pela possibilidade de alcançar um público que lhes faz "sacrificios" que é muito maior do que os deuses da antiguidade tinham acesso. É sempre melhor ficar longe ds criações fantasiosas feitas para fascinar as massas. Na real o que você escreve mostra algo que quando se fala o pessoal às vezes não aceita: essa questão sexual está muito mais na mente que no corpo. Por isso mesmo desencarnados buscam sexo, ainda que não possuam mais um corpo que lhe cobre a satisfação de necessidades fisiologicas. Acreditar que isso é fisiologico é o que leva ao mito seguinte: acreditar que pode fazer mal ou gerar doença se não fizer sexo. É uma compreensão equivocada do mecanismo disso. A origem da BUSCA por intercâmbio sexual é mental/emocional. Por isso ela segue acontecendo após o desencarne. Só que no plano físico essa necessidade se expressa no corpo físico, através das reaçôes fisiologicas que RESPONDEM À mente e emoções. Ou, no caso do contato fisico acontecer antes que a mente e emoceos percebam, aí sim ela segue o fluxo corpo-->emoções--> mente. Mas aí foi um caso em que não havia uma busca, uma " necessidade", mas houve uma reação energética, etérica, ao contato direto com as energias da outra pessoa. E aí claro, o contato regular, como num casamento, vai gerar uma dependência do corpo etérico em relação àquele estímulo reeptido por anos, que vai demorar vários meses para se dissipar após uma separação. Mas se a pessoa está sozinha já a um bom tempo a necessidade dela existe apenas nas emoçôes e mente, algo que dá para ir arrefecendo se a pessoa não se entregar a reforçar o estímulo pela criação de fantasias. De qualquer forma, estou só comentando sobre isso porque sinceramente acho que existe preocupação excessiva com algo tão irrelevante na vida das pessoas. Tanto a masturbação quanto o sexo são bastante irrelevantes a menos que sejam parte da sua "equacao de vida" ( uma pessoa casa terá sexo regular com o parceiro, o que é algo que faz a manutenção da qualidade de vida do casal. Logo, se surgem problemas no sexo isso costuma ser sintoma de outros problemas maiores,.o que torna o sexo um fator relevante a analisar em casais)
  8. Não ver o corpo É A REGRA. Eventualmente acontece de alguém ver. Não sentir o EV só é normal se você quase não se afastou do corpo e voltou Em geral sentirá só um vago formigamento, se sentir, porque: - quanto mais se afastou - quanto mais tempo ficou fora - mais energias prânicas o corpo astral absorverá e ao voltar entrega isso.ao corpo etérico, gerando o EV de retorno. Por isso se você ficou sempre perto do corpo: -porque estava apenas desencaixado levemente, sonhando, -ou porque não conseguiu nem sair do quarto, ainda que estivesse em projeção, não em sonho Não deve sentir EV de retorno, já que seu corpo astral não teve oportunidade de absorver energia alguma.
  9. Quantos anos você passou sem fazer sexo, desde que nasceu até a idade em que descobriu isso? Bastante né? E não deu problema algum né? Porque então daria depois que você descobriu isso? Claro. A mente define o endereço da evocação. Se isso te preocupa você pode executar o ato sem pensar em nada. Afinal, basta estimulação fisica para atingir o pico energético que leva ao orgasmo, a mente não precisa participar. Ou se quiser que ela participe, mantenha-a focada diretamente nas sensações físicas geradas pela estimulação.
  10. Ah é, isso acontece. O problema é exatamente o que concluir disso tudo. Quando se trata de eventos acontecidos antes de nascermos tendemos a aceitar que se trata de encarnacao passada, mas às vezes você passa por isso em eventos acontecidos em diferentes países, com pouco intervalo entre eles, e você é adulto em todos, então fica difícil considerá-los vidas sucessivas. Mas aí teríamos que considerar vidas simultâneas ou... eliminar totalmente a idéia de que " só porque você experienciou algo em primeira pessoa, isso signidicaria um evento de uma vida sua. Talvez seja possível vivenciar em primeira pessoa, numa projeção, o personagem de outra pessoa, mas isso também abre outro leque de problemas, que é a interação com essas figuras de época. Acho que não há respostas minimamentes razoáveis para esse tipo de experiências.
  11. Normal isso em que olha as coisas pelo ponto de vista da espiritualidade. Eu por exemplo olho o que aconteceu, que foi muito mais destruidor no norte do estado do que aqui no sul, que foi só um alagamento lento, e penso: " Olha só..onde o bolsonaro ganhou, do centro para o norte do estado, onde tem mais grupos neofascistas e tal, foi bem pior. Na região sul, onde o Lula ganhou, foi mais suave a coisa. Só pode ser o karma do bolsonarismo... " Kkkkkkkk.
  12. Estava agora ouvindo este video enquanto faxino a casa (por causa das inundações no RS, ruas e casas alagada por dias em 90% dos municípios,etc, estão sabendo né? ...) e percebi que se relaciona com o que escrevi ontem, e esse lance de família religiosa e tal.
  13. . . Olha, minha ex esposa as vezes acordava com raiva de mim porque sonhava que eu estava andando com ela em algum lugar, ela se distraia e se afastava, e quando me achava eu estava beijando outra, Kkkkk. Ela tinha esses sonhos de vez em quando e acordava com raiva, mesmo sabendo que eram só sonhos. No caso da sua esposa ela poderia ter despertado EM ASTRAL na cama, ter visto você EM ASTRAL sonhando que mexia no celular ( ou algum espirkto zombeteiro). Aí ela enxergpu no celular os temores dela, e nao percebeu que aquilo foi " um sonho" porque aconteceuno cenário " deitados ma cama" , o mesmo cenário em que ela acorda. É tipo um "falso despertar", que sempre pega a gente. Porque eu mesmo já levantei da cama para trancar uma janela que batia com o vento.... mas antes de deitar de novo resolvi testar e ... estava em astral! Se nao tivesse testado eu acreditaria piamente que levantei para trancar a janela! Se isso pega até projetores, que já estão prevenidos, imagina quem não tem prática. Depende do do contexto da experiencia será impossivel descobrir se foi real ou nao. Num caso em que a pessoa levante de cama ( em astral) vá faser algo ou seja abbduzida por ets, e ao terminar volte para o quarto e deite, quando acordar ela nao tem nenhuma forma de saber se o que ela lembra foi "sonho" ou realidade. Até porque em geral vemos a cama vazia quano noa projetamos. Se víssemos nosso corpo ali nao teriamos como confundir. Ela pode ter passado por algo assim. Mas acho que se você tentar explicar isso para ela vai parecer a ela que está tentando enrolá-la com uma mentira sofisticada, e pode ser pior ainda. Agora o problema que eu vejo nisso é a desconfiança dela. Se ela confiasse em você ela não acharia que você apagou a tal mensagem. Ela prefere desconfiar como primeira opção. Pode ser por algo do seu passado, mas pode ser por influência espiritual. Você diz que ela é de família religiosa, e em geral religiosos são muito paranóicos, porque são TREINADOS PARA pensarem assim. Afinal , toda a crença no diabo leva a pessoa nessa direção, eles tem que aprender a pensar que pode ter uma força oculta armando contra eles por puro prazer. Por isso os religiosos se tornaram presa fácil da extrema direita que baseia todo seu marketing em teorias conspiratorias. Para pessoas religiosas essa é uma forma legítima de raciocinar, embora para o não religioso pareça apenas um sintoma de doenca mental. Mas pode ter algum obsessor na parada também, porque esse pessoal de religiao vive escravizado mentalmente pelas entidades que os vampirizam. Afinal é basicamemte isso que as igrejas fazem: -tentam sempre atrair " carne nova" - reforçam a mentalidade de separação entre os que são da igreja e os que não são - qualquer um que tente fazê-los ver que a coisa pode ser mais ampla do que imaginam acaba sendo visto como um agente do diabo que quer "afastá-los de Deus" O fato de você mostrar umas diferentes para ela e ela gostar, e depois ter fases em que duvida de tudo pode ser já efeito dos obsessores de religião tentando fazê-la se afastar disso. E eles podem ter concluído que o melhor jeito é afastá-la DE VOCÊ, já que você é quem está " trazendo o diabo para dentro do lar", kkkk. E ela pode achar mais fácil aderir a essa idéia do que continuar num relacionamento que pode estar exigindo dela muita resistência às pressões da família dela. Entende? Ela provavelmente fica o tempo todona pressão entre você e a família dela. E toda vez que ela vai ver a família eles podem ficar botando coisas na cabeça dela, afinal, ela está casada com alguém que não é da religiao, e "como um homem no mundo de hoje pode ser confiável se não tem Deus em seu coração???". Eu tendo a concordar com isso, só que isso não tem nada a ver com religião. Mas seria pedir demais que um "seguidor de religião", que só mantém sua vida na linha por medo do inferno, aceite que outros possam fazer o mesmo ou melhor por compreenderem que é o melhor, sem precisarem ser ameaçados pelo medo do inferno, diabo, etc. Ela pode apenas estar cansada desse conflito com a família e cedeu.
×
×
  • Create New...